Vinny Dunga: ‘De Arão em Arão, a torcida enche o saco!’

Na próxima terça-feira, em pleno carnaval, o Flamengo estreia na Libertadores. Em dois meses de trabalho que antecederam essa estreia, Abel Braga não fugiu do óbvio e vem emplacando o mais do mesmo.

É de conhecimento geral que o treinador rubro-negro tem um elenco recheado de qualidade do meio para a frente, mas ainda assim, ele não abre mão do nosso querido William Arão no time titular. Temo que esse seja o calcanhar de aquiles de Abel Braga em sua segunda passagem no Flamengo.

Agora já é tarde, não temos mais tempo para testes, com a Libertadores batendo às portas, perdemos a oportunidade de ver o Diego jogando por ali, assim como Lucas Paquetá teve sucesso atuando por essa posição. Tenho certeza que o camisa 10 da Gávea preencheria perfeitamente essa lacuna.

Ainda que o Diego não tenha o cacoete para marcação, o cara é aguerrido, demonstra boa dose de raça com o manto sagrado rubro-negro, e com um pouco de tempo, se encaixaria como o segundo volante dessa equipe. Assim como na Europa o segundo-volante deixou de ser volante faz tempo.

O Flamengo não pode, hoje em dia, abrir mão de qualidade para ter transpiração. Não que o William Arão seja toda essa negação, porém, as circunstâncias do time rubro-negro em 2019 são diferentes de outrora. Precisamos impor nosso jogo, para passar por cima de todos os adversários que tenhamos.

Afinal, todo o investimento feito para essa temporada é justamente para isso. Foram milhões gastos com mão de obra que não está sendo plenamente aproveitada, ou seja, Abel está criando um prejuízo para o Flamengo, não só financeiro, como esportivo. O acovardamento do nosso treinador é perigoso.

Talvez, o primeiro erro da atual gestão do Flamengo tenha sido a troca de Dorival Júnior por Abel Braga. Veja bem, Dorival não é um gênio do futebol, mas já tinha o elenco na mão, e não tem os vícios defensivos que o Abelão tem. A cara do Flamengo moderno não pode ser receosa, somos os maiores do Brasil.

Espero, e torço, para que as coisa deem certo para o Flamengo, seja com quem for em campo, fora dele, e independentemente do estilo de jogo, mas jogar da forma que o time vem jogando me parece uma tragédia anunciada. Não se deixe enganar pelas atuações frente aos times pequenos do Rio de Janeiro.

Se você acha que as coisas estão boas por causa dessas atuações, eu respeito. Porém, no fundo, você mesmo sabe que o time pode muito mais do que está mostrando, caso o Abel deixasse de lado suas vertentes ultrapassadas, para talvez assim não correr o risco de cair abraçado ao William Arão, e seu ferrolho.

Enfim, é um exercício de paciência para a torcida do Flamengo ver de fora uma das grandes estrelas desse meio-campo, como Éverton Ribeiro, Arrascaeta e Diego, para dar lugar ao aguerrido, porém limitado, William Arão. Abel, de Arão em Arão a torcida enche o saco!

“Que os Deuses do futebol estejam com o Flamengo!”

VINNY DUNGA

19 Comentários
Carregando comentários...
Criação de sites e aplicativos para celular
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com