Diego revela que ficou revoltado com demissão de Barbieri: “Covardia tremenda”

FOTO: REPRODUÇÃO

A temporada de 2019 chegou ao fim para o Flamengo. Assim como os últimos anos, o clube não conquistou nenhum título relevante nesta temporada, que teve três treinadores à frente do clube: Paulo César Carpegiani, Mauricio Barbieri e Dorival Júnior. Barbieri foi quem mais jogos disputou com o Fla em 2018, e Diego Ribas demonstrou insatisfação com a saída do técnico, que aconteceu em setembro.


Compre capinhas oficiais do Mengão para seu celular. São diversos modelos para você escolher o que mais combina contigo. CLIQUE AQUI para conferir!


Após a eliminação do Flamengo para o Corinthians, na semifinal da Copa do Brasil, Mauricio Barbieri, que já vinha recebendo muitas críticas de parte da torcida e da imprensa, foi dispensado do Rubro-Negro. Diego Ribas revelou, no programa Bola da Vez, da ESPN, que não digeriu facilmente a demissão do ex-comandante. O meia disse que ficou revoltado com a situação.

Nós temos uma mentalidade imediatista, isso é um fato, e temos que aprender a lidar com isso. Eu já estive conversando isso com o Dorival, de que maneira nós, jogadores, podemos ajudar nesse aspecto. Porque, pra mim, é uma covardia tremenda. E foi uma das coisas que eu conversei, na época, com o grupo, que eu fiquei revoltado. Eu falei: “Tem que ter a opção de ir todos os jogadores embora, cara”. Eu não gostei dessa situação não. Não por que foi o Mauricio, que eu respeito demais, mas para o treinador é muito complicado. Eu estava conversando isso com o Dorival… —, disse o meia, revelando ainda sua conversa com o treinador.

— Um dia, nós temos que se unir, pega o capitão de cada equipe, alguém, mas temos que fazer alguma coisa, senão fica muito cômodo também, nesse aspecto. Eu entendo que a diretoria tem que tomar uma posição, mas também para o treinador… se o cara tiver, realmente, no dia a dia, demonstrando que jogou a toalha, mas o cara está ali, que está fazendo, que você está vendo que está acontecendo, e ser tão vulnerável assim, eu acho que não, tinha que dividir a responsabilidade com os jogadores. Eu não sei de que forma, mas eu estou disposto. Eu falei para o Dorival: “Eu não sei, pensa em alguma coisa. Você está aqui hoje no Flamengo, nessa posição, conta comigo. O que tiver que fazer…” —, finalizou Diego.

Mauricio Barbieri foi contratado, no início de 2018, para fazer parte da comissão técnica permanente do Flamengo. No entanto, após a demissão de Carpegiani, assumiu o time, que teve um bom desempenho de início. Ao todo, o atual treinador do Góias esteve à frente do Fla em 38 jogos oficiais, sendo 18 vitórias, 12 empates e oito derrotas, totalizando o aproveitamento de 57,9%.

59 Comentários
Carregando comentários...
Criação de sites e aplicativos para celular