Jornalista espanhol revela que técnico do Valência tinha medo de Diego Alves “intoxicar” o vestiário

O episódio de indisciplina envolvendo Diego Alves segue sem uma solução. O goleiro não se retratou com o elenco e, com isso, não será relacionado para o próximo jogo do Flamengo, contra o Palmeiras. Em meio a isso, a Fox Sports entrou em contato com Vicente, jornalista da TV Valência, que revelou que, na Espanha, Diego Alves não chegou a se envolver em polêmicas desse tipo. Porém, deixou claro que a personalidade “complicada” do jogador já era conhecida.

No Valência, Diego Alves não protagonizou nenhum episódio de indisciplina, como fez no Flamengo. É certo que era um jogador com personalidade complicada. Era um líder, que fomentava os grupos dentro do vestiário. Sua saída do Valência aconteceu por isso. Porque Marcelino (García, técnico da equipe) não queria um goleiro que pudesse “intoxicar” o grupo. Mas no Valência ele sempre foi titular absoluto, sem sombra de nenhum outro goleiro. Então não haviam problemas desse tipo, como está havendo no Brasil -, disse ele.


Compre capinhas oficiais do Mengão para seu celular. São diversos modelos para você escolher o que mais combina contigo. CLIQUE AQUI para conferir!


Com contrato até o fim de 2020, o futuro de Diego Alves no Flamengo segue sendo uma incógnita. A possibilidade de saída existe. Contudo, o clube entende que o camisa 1 é um ativo do clube, logo, não vai rescindir o contrato do atleta. A multa para quebra de vínculo é no valor de R$ 100 milhões para equipes do Brasil e €10mi para clubes do exterior.

29 Comentários
Carregando comentários...
Criação de sites e aplicativos para celular