Pedro Sampaio: “Três escalações diferentes (e boas!) para os jogos que antecedem o confronto contra o Cruzeiro”

Sim, eu ainda acredito que o Flamengo possa passar pelo Cruzeiro na Copa Libertadores da América. No entanto, não penso que isso seja possível sem que tenhamos que fazer alguns sacrifícios. O Flamengo chega ao segundo semestre ainda com possibilidades reais de ser campeão em três importantes competições e, como sabemos, o calendário do futebol brasileiro pune o mérito. Por isso, numa temporada tão desgastante, tanto no aspecto físico quanto no psicológico, saber rodar o elenco, em determinados momentos, se faz imprescindível para que possamos almejar a “tríplice coroa”. A sequência de jogos do Brasileirão (Atlético Paranaense fora, Vitória em casa e América Mineiro fora) que antecede o jogo de volta da Libertadores, contra o Cruzeiro, no dia 29 de agosto, em Belo Horizonte, é um desses recortes da temporada onde é possível realizar um rodízio de jogadores e, ainda assim, buscar uma boa pontuação.  Particularmente, sou contra jogar com um time todo reserva em qualquer um dos campeonatos que disputamos. Pensando nisso, montei três escalações diferentes para mostrar que podemos revezar os jogadores – mantendo uma boa qualidade – e ir em busca da vitória nos três jogos.

Critérios utilizados para montar as escalações:

1) Jogadores mais velhos e com maior desgaste natural estarão em apenas um dos três jogos.

2) Diego Alves, que vive fase esplendorosa, por ser goleiro, não precisará participar do rodízio e atuará nas três partidas.

3) Desgaste derivado do deslocamento com viagens. Lembrando que o jogo contra o América-MG, último antes do confronto com o Cruzeiro, assim como o jogo da Libertadores, será em Belo Horizonte.

4) Manutenção do padrão tático do time (apenas com variações pontuais).

5) Contando com o jogo do Cruzeiro, na Libertadores, dia 29/08, nenhum jogador (exceto o goleiro) fará três jogos em sequência.


Atlético-PR X Flamengo (19/08/18)
football formations


Flamengo X Vitória (23/08/18)
football formations


América-MG x Flamengo (26/08/18)
football formations


Como podemos ver nos mapas táticos, o Flamengo dispõe de elenco para, mesmo revezando os jogadores, se sair vitorioso nos três confrontos. Sabendo se planejar, um time com o poder de investimento do Flamengo pode, sim, ser campeão de duas ou três competições simultâneas.

Eu escolhi acreditar no Flamengo até o último segundo. E você?

*Nota: a coluna foi escrita antes da divulgação dos relacionados para a partida contra o Atlético Paranaense. O goleiro Diego Alves não participará deste jogo.

Comente o que você pensa e como escalaria seu time para os próximos jogos!

6 Comentários
Carregando comentários...
Criação de sites e aplicativos para celular