Fábio Monken: “Pra que vir a Curitiba? Melhor levar um WO”

Salve, Salve, Nação Mais Linda do Mundo!

Hoje não vou me alongar, serei direto e mandarei o papo reto. Foi vergonhosa a atuação contra o Atlético-PR em Curitiba na manhã de ontem, vergonhosa! Pra dizer o mínimo.

O time entrou desligado, foram muitos erros cometidos, foram várias as desculpas de ontem no pós-jogo. A verdade é que apenas o Cuéllar falou o que deve ser dito: um time que tenciona ser campeão não pode entrar com a postura negligente apresentada no jogo de ontem.


Compre capinhas oficiais do Mengão para seu celular. São diversos modelos, para você escolher o que mais combina contigo. CLIQUE AQUI para conferir! 


Tomamos 3 gols em vinte minutos e o jogo estava decidido. Agora lhes pergunto: como tomar 3 gols em 20 minutos do vice-lanterna do campeonato? Pergunte ao Flamengo. Esse time é uma mãe! Trôpego, atabalhoado, indeciso, parecia que as posições na tabela estavam invertidas e que os paranaenses tinham 22 pontos a mais do que nós antes do início da partida.

Vou lançar uma campanha para que o Flamengo não venha mais a Curitiba enfrentar o Atlético-PR. Seria mais fácil e óbvio não vir. Pouparíamos tempo, viagens, hospedagem, passagens aéreas e o constrangimento do torcedor. Como a derrota é sempre certa, que deixemos o jogo de lado e se compute mais três pontos ao Atlético-PR. Simples assim.

Vou lhes dar um testemunho. Sou carioca, mas moro em Curitiba há nove anos. Desde sempre tenho que ouvir zoação a partir da quinta-feira que antecede ao jogo quando o Flamengo vai jogar na Arena. Haja o que houver, mesmo se eles entrarem com o time fraldinha em campo, é certeza de vitória. Meu vizinho, que é atleticano, é a prova viva disso. Ele vai uma única vez por ano à Arena da baixada. Adivinhem qual jogo ele escolhe pra ir?

Essa postura omissa e retardada desse time não tem explicação. Isso tem que acabar. Há anos a coisa se repete e nada muda. Os caras já entram em campo sabendo que vão ganhar, aconteça o que acontecer. Isso é vexatório, motivo de imensa insatisfação de nossa torcida. A Nação não merece esse tipo de tratamento.

Alguma coisa deveria ser feita nesse tocante. Deveríamos começar a encarar os jogos aqui como uma guerra para que essa alcunha de saco de pancadas se encerre o quanto antes. Chega de passar vergonha aqui em Curitiba! Chega de sermos achincalhados por torcedores de times medianos, chega!

Vamos ver se algo será feito, se a postura mudará a partir do ano que vem. O time não pode apresentar essa pane com a mudança de dois ou três jogadores. Como isso está se tornando uma constante, devemos começar a pensar o elenco para o ano que vem. Equilíbrio e peças de reposição com a mínima qualidade são indispensáveis.

Não temos observado isso na montagem dos elencos há bastante tempo. Se temos acertado em algumas posições, erramos de forma inequívoca em outras, como o caso das laterais, por exemplo. A renovação de contrato do Rodinei, até 2022, beira o absurdo.

Queremos qualidade e eficiência. Queremos consistência e constância de boas e ótimas atuações. Queremos um time vencedor e ciente de suas obrigações para podermos disputar os títulos e realmente confiarmos de que temos um elenco sólido. Chega de panes injustificáveis e atuações vexatórias. Que percamos os jogos com o mínimo de dignidade. Ontem não tivemos nenhuma!

No momento atual, temos apenas um time. Isso mesmo: um time, e olhe lá! Quando trocamos alguém é um Deus nos acuda! Isso já deveria ter sido corrigido. Há tempos. Agora começamos a descer a ladeira. Esse é o preço da ambição de disputarmos tudo sem ter um elenco qualificado para tal. Some-se a isso a mediocridade de um presidente que sepultou sua postura proba e digna com o anúncio de uma candidatura a deputado federal, lastimável falta de coerência e bom senso.

Tudo o que ele vinha combatendo, como usar o Flamengo para levar vantagens pessoais, foi abandonado. Não negarei sua importância na história do clube, após ter resgatado nossas finanças e mudado nossa imagem de maus pagadores, mas é mais um pavão disfarçado que tentará se aproveitar da fama e visibilidade que o cargo lhe confere para obter vantagem pessoal. É tão lamentável como nossa postura no jogo de ontem.

Agora é seguir em frente e juntar os cacos. O Flamengo “Robin Hood” continua seu legado. Perdendo para os mais desafortunados e entregando pontos de bandeja aos adversários mais fracos. Vamos ver quando isso mudará. Espero que logo. Para o bem de toda a Nação. Chega de passarmos raiva! Estamos, literalmente, de “saco cheio”! Vai pra cima deles Mengo!!!

O Flamengo simplesmente é!
Saudações rubro-negras a todos!

Fabio Monken
Twitter: @fabio_monken

Gostou? Não gostou? Concorda, discorda? Ótimo!
Deixe seus comentários, interaja!
O Debate sempre será salutar!
Pontos de vista divergentes são essenciais à nossa evolução e à formação de nosso caráter.
Mas lembre-se: Somos todos Flamengo!
A intolerância e a falta de argumentos são combustíveis para o fracasso!

13 Comentários
Carregando comentários...
Criação de sites e aplicativos para celular