Jonas viaja para Dubai para assinar com o Al-Ittihad

O imbróglio sobre a venda de Jonas foi solucionado. Flamengo e Eduardo Maluf, empresário do atleta, chegaram a um consenso e o volante embarcou para Dubai neste sábado (07). Caso passe nos exames médicos, Jonas vai assinar por três anos com o Al-Ittihad.

Jonas não era titular, mas tinha posição importante no elenco, sendo reserva imediato de Gustavo Cuéllar. A venda do volante abre uma lacuna no elenco, e é certo que, analisando a dificuldade das competições que serão disputadas no segundo semestre e a sequência de jogos que o Rubro-Negro vai enfrentar, a ideia principal deve ser trazer um novo jogador para reforçar a posição. Prova disso foi a busca por Walace, que acabou acertando com o Hannover-ALE.

Enquanto isso, caso Jonas realmente saia, Maurício Barbieri pode optar em utilizar Hugo Moura. O jovem já treina com o elenco profissional desde o fim da Copa São Paulo de Futebol Júnior, na qual foi um dos destaques da campanha do título, ostentando, inclusive, a braçadeira de capitão do Mais Querido. Pelo profissional, ele fez sua estreia na primeira rodada no Campeonato Carioca, quando o Fla venceu o Volta Redonda por 2 a 0. Entretanto, não teve grandes oportunidades posteriormente.

Em 2018, garotos como Vinicius Júnior, Lucas Paquetá e Léo Duarte assumiram situação de protagonismo na equipe, além de outros como Vizeu, Jean Lucas e Thuler, que têm importantes participações no decorrer do ano.

Atualmente, além do Garoto do Ninho, o Flamengo conta com Cuéllar, Rômulo, Ronaldo, Willian Arão e Jean Lucas para a posição de volante. Porém, os dois últimos são vistos como atletas que jogam em uma linha mais avançada, reduzindo a quantidade de postulantes à vaga.

Fonte: Globoesporte.com

3 Comentários
Carregando comentários...