Fla tem melhor aproveitamento sem Guerrero em campo

O vínculo de Paolo Guerrero com o Flamengo está prestes a acabar, dia 10 de agosto o peruano deixa oficialmente de ser jogador do Fla. Apesar de todo problema enfrentado pelo camisa 9 desde que foi flagrado no exame antidoping, o presidente do Flamengo já demonstrou interesse em renovar o contrato do jogador. Mas, numa breve análise do colunista Jerônimo Júnior mostra que o desempenho do Mais Querido é mais eficiente sem Guerrero em campo.

Fla sem Guerrero no Brasileiro:
10 jogos
7 vitórias
3 empates
0 derrotas
Aproveitamento de 80%

Fla com Guerrero em campo (titular ou entrando):
5 jogos
2 vitorias
1 empate
2 DERROTAS
Aproveitamento de 46,7%

Paolo Guerrero voltou ao Flamengo após disputar a Copa do Mundo da Rússia. O peruano retornou ao elenco principal do Mais Querido e vem atuando regularmente nos jogos do Mengão. Em recente entrevista o Vice Presidente de futebol, Ricardo Lomba declarou que o clube pretende conversar com o atleta e tentar renovar.

– Acreditamos no atleta, gostamos e queremos renovar. É questão de ajustar prazo e condições, mas temos todo interesse e vamos conversar para tentar renovar – afirmou Lomba.

O pesadelo de Paolo começou em 2017 quando disputava as eliminatórias da Copa com sua Seleção e foi flagrado pelo exame antidoping com uma substância que continha o metabólico da cocaína. Guerrero recorreu e comprovou não ser usuário e muito menos ter feito uso da droga.

O jogador chegou a retornar aos gramados, disputou dois jogos pelo Flamengo e marcou um gol. Porém o Tribunal Arbitral do Esporte (TAS) ampliou sua pena por mais oito meses, alegando negligência do artilheiro. Através de uma liminar conseguida através da justiça Suíça, Paolo conseguiu efeito suspensivo, disputou a Copa pela Seleção Peruana e retornou ao Flamengo para cumprir seu compromisso com o clube carioca.

6 Comentários
Carregando comentários...
Criação de sites e aplicativos para celular