Eleição para presidente do Fla tem início oficializado

De acordo com publicação de Venê Casagrande, do Esporte Interativo, seguindo a determinação do estatuto do clube, o presidente do CoAd – Conselho de Administração do Flamengo – emitiu documento na última sexta-feira (06), oficializando as datas e candidatos à eleição para presidente do Mais Querido. No documento ficam sacramentadas as diretrizes do processo eleitoral do clube da Gávea.

O presidente Eduardo Bandeira de Mello não poderá ser candidato novamente pois já foi reeleito. Dois nomes despontam na situação para substituí-lo. Um é o vice-presidente de patrimônio, Alexandre Wrobel, que não tem a intenção de concorrer. Outro é o do vice de finanças, Cláudio Pracownik. O candidato da situação só deve ser conhecido a partir de março de 2018.

Na última eleição, Eduardo Bandeira de Mello foi reeleito com 1.632 votos dos 2.753 associados que compareceram às urnas. O segundo lugar ficou com Wallim Vasconcellos, da Chapa Verde. O ex-aliado de Bandeira somou 834 votos. Cacau Cotta, da Chapa Branca, contabilizou 259 indicações e terminou na terceira colocação. Foram ainda 28 votos nulos.

 

2 Comentários
Carregando comentários...