Quando o “bairrismo” cega

— Flamengo vence, mas não convence! — Flamengo é o líder com menos pontos desde o início dos Campeonatos corridos! — Vinicius Jr. é criticado por comemoração contra o Botafogo: Tem 17 anos mas já é profissional! — Paquetá na lista de suplentes de Tite? Como assim??? — Quanto custa um gol de Guerrero pelo Flamengo?Flamengo deveria ser expulso das competições da Conmebol!

Essas são algumas manchetes que são veiculadas pelos jornais, portais e programas de TV diariamente sobre o Flamengo, que mudam um pouquinho quando são referentes aos times do outro lado da Via Dutra.

Corinthians mostra que sabe sofrer e consegue vitória gigante! — Palmeiras lidera campeonato mais disputado dos últimos anos. — Mantuan erra, mas recebe o apoio de todos: É jovem, tem apenas 20 anos e ainda vai dar muitas alegrias à torcida! — No lugar de Tite eu levaria o Pedrinho do Corinthians! — Borja passa por ano de adaptação, mas mostra que ainda pode ser muito útil ao Palmeiras. — Corinthians não pode ser punido por atos isolados de seus torcedores!

Mudou um pouco não é? Mas essa é a mais suja e incoerente realidade.

Aqui quando se consegue um grande patrocinador, o clube é refem da empresa. Do lado de lá o clube conseguiu grande patrocínio porque é organizado. Aqui quando se abaixa o preço do ingresso, criticam a renda, lá exalta-se a média de público. Aqui quando se aumenta ingresso, estamos afastando o povo dos estádios, lá a renda do jogo mostra o sucesso do trabalho.

Incrível como tentam mostrar o lado ruim de tudo no Flamengo e como tentam exaltar o lado bom dos times paulistas, e mais ainda como nós, caímos nessa “cilada“.

O bairrismo cega, transforma situações semelhantes em manchetes diferentes, aplica juízo de forma desmedida e incoerente, foge do profissionalismo.

O Flamengo não tem sua sede situada às margens do Tietê, não tem Paulista em seu nome, não é o time dos manos, e isso deve realmente incomodar muita gente. O maior produto nacional está fora da maior metrópole do país.

O Flamengo é o time do povo, uma Nação, com manos, véios, brothers, parceiros, cumpádis, é mais que um estado, são 27. Tem representação significativa em todos eles, na grande maioria sendo a maior torcida, e ainda assim insistem em chamar de terceirizados.

Bairrismo? Recalque? Inveja? Não sei realmente o que pode ser, mas já está na hora de ser repensado. Profissionalismo é o que se espera de quem veicula informações em grandes meios, o que não podemos entender normal é que seja cobrado todo o rigor da lei para alguns e seja concedida toda a benevolência da lei para outros.

O Flamengo é nacional, sua torcida é nacional. Hoje é o líder do Campeonato Brasileiro, e merece respeito. Chega de tentar diminuir esse gigante do futebol nacional. Respeito é o que exigimos. Acho louvável a exaltação ao seu produto, mas lamentável tentar denegrir e diminuir outros produtos.

45 milhões de consumidores, torcedores, apaixonados. Respeito. Somos uma nação!

#ParaQueTáFeio #SomosTodosMenosAlguns #ContraTudoETodos

SRN!

Jerônimo Simeão Júnior

Comente no Twitter usando a #ColunaDoJJConcorda ou Discorda? Comente, cornete e se gostar: Divulgue! Ah! e se quiser saber mais sobre o Mengão segue lá no Twitter @JeronimoSJunior! É Mengão 24 horas por dia!

140 Comentários
Carregando comentários...
Criação de sites e aplicativos para celular