Lance: “O último ato: Gol e jogo com a Chape serão os últimos de Guerrero pelo Fla”

A passagem de Paolo Guerrero pelo Flamengo chegou ao fim. Isto é, se depender do cenário atual, no ano que vem quando acabar sua suspensão ele não vestirá mais a camisa 9 rubro-negra. Aos 34 anos, o jogador tem contrato com o Fla até o dia 10 de agosto, quando encerra o vínculo assinado em 2015. Uma renovação, dentro da Gávea, já está considerada fora dos planos com o novo gancho.

Desta maneira, o camisa 9 se despediu do Rubro-Negro neste dia 13 de maio, diante da Chapecoense e com gol. A situação envolvendo o atacante já não era tratada de forma simples. O Flamengo já tinha oferecido a manutenção dos cerca de R$ 500 mil em salários – desta vez sem luvas – para ele renovar até o fim da temporada. Guerrero e seu staff queriam um contrato até o fim de 2019 ou meio de 2020. As luvas seriam negociadas.

A falta de consenso já estava atrapalhando as tratativas, tanto que o Flamengo colocou sua equipe de scout no mercado atrás de um novo centroavante, que chegue com a mesma condição de Henrique Dourado. A ideia é ter dois grandes nomes. Este processo, passava por Guerrero também. Isto é, se o jogador não fosse novamente punido e aceitasse o novo vínculo.

Quando chegou ao Flamengo, em 2015, Guerrero recebeu cerca de R$ 12 milhões em luvas. A vista, o Fla pagou R$ 4 milhões e parcelou os outros oito nos 36 meses de contrato. Além dos vencimentos, o peruano recebia cerca de R$ 200 mil diluídos em seu salário, referente ao prêmio por assinatura. Esta fórmula não estava nos planos da diretoria. Era apenas a ideia de renovação, com prioridade por mais um ano.

A confiança que ele seria absolvido cresceu entre as pessoas que cuidam de sua carreira e por isso as tratativas e o acordo com o Flamengo não foram assinados. Foram pelo menos três reuniões para discutir o novo contrato e nenhuma resposta de quem cuida da carreira do peruano. A ideia era esperar o Mundial e ver o quanto o jogador sairia valorizado.

A última taca de Guerrero e seus agentes eram exatamente essa: um grande desempenho na Copa que o fariam acertar o último vínculo de sua carreira por mais dois anos e meio ou três, para aí sim, pendurar as chuteiras. O Flamengo era a preferência e internamente sabia-se que se ele se destacasse com a camisa do Peru, a renovação chegaria aos moldes mais favoráveis a ideia do jogador do que do clube.

Agora, com a nova suspensão que durará mais oito meses, Guerrero só poderá retornar aos gramados em janeiro do ano que vem, no mês em que completará 35 anos, no primeiro dia do ano de 2019. Apesar de querer o Flamengo, o atacante tinha sondagens de outros grandes clubes do Brasil e voltando a jogar em alta sabia que podia negociar este novo contrato.

Agora, ele terá que esperar e treinar em separado e por conta própria, como já fez por quatro meses. As dependências do Fla ele só poderia voltar a usar em novembro, quando faltariam dois meses para o fim da suspensão. Esta é uma exigência da Fifa em relação a jogadores punidos por esta conduta. Porém, quando chegar lá, ele já estará sem vínculo contratual com Flamengo a três meses.

O camisa 9 do Flamengo assinou seu último ato. Marcou contra a Chapecoense e animou novamente os torcedores. Um dia depois – de se declarar inocente mais um vez – veio o balde de água fria. Eduardo Bandeira de Mello está em seus últimos meses de mandato e já se decidiu que não vai renovar.

Ao todo, ele se despede com 108 partidas pelo Rubro-Negro e 43 gols marcados. Apenas o título carioca de 2017 no currículo. O sonho de disputar sua primeira – e provavelmente única – Copa do Mundo também chegou ao fim. E a passagem de Guerrero pelo Flamengo e pelo futebol brasileiro, chega ao fim de forma melancólica. E injusta para os envolvidos.

Reprodução: Lancenet! 

  • Junior Vinicius

    Zico nos protege até fora de campo, que agora deem espaço pra a base ou contrate um jogador inquestionável.
    Contratar um outro mediano como Henrique Dourado, é melhor poupar dinheiro.

  • Felipe José Schweitzer

    só um titulo carioca em 3 anos…. na boa, foi tarde…. torcer pra acharem um bom nome no mercado nessa janela de inverno

    • DefendaSeuDinheiro

      como se a culpa fosse só dele, ele jogasse sozinho…. era caro sim, mas um ótimo jogador!!!

  • Frederico Soares

    Se fudeu mercenário, não assinou por 1 ano nem por 3 e nem com o valor queriam!

    Os empresários que estavam negociando, não queriam aceitar vencimentos na casa dos 500k, queriam luvas novamente!

    Agora nem luva e muito menos salário, encosto!

  • euavisei

    Queiram os fanboys ou nao sera lembrado daqui a 5 – 10 – 15 anos como o cara que custava o olho da cara que nao fazia GOLS e nao deu nenhum titulo em 3 anos . tipo o ataque dos sonhos sabe? igual, foi um estorvo saiu pela porta dos fundos manchando a imagem do clube caindo no DOPING, Oooooooooooooooo o cao nunca acabo nunca acabooooooooooo OOOOOOOO…

  • DefendaSeuDinheiro

    bla, bla, bla…. não foi batido martelo de nada…. ele pode entrar em acordo com o clube e voltar jogar o ano que vem, fala sério…só precisa diminuir o salário…
    mídia papa defunto do kcccttt!!!

  • Fernando

    Mercenário, nunca pensou no Flamengo, e sim no próprio bolso ! aff

  • Newton

    Essa noticia, para muitos eh boa, pra mim, horrivel… era nosso melhor atacante, teremos muitas dificuldades se nao contratarmos alguem do nivel dele… hj seria um jogo com a cara dele…

    • Luciano YouTube

      dificuldade? pagando um milhão e duzentos mil por mês?

      • Newton

        Vc é diretor financeiro do Flamengo??? Precisamos de grandes jogadores… não somos banco…

  • Allan Abrantes

    Vamos Ceifando – Henrique Dourado nosso 9. Pivô é meu saco!

  • Texugo

    Injusta a punição do Pivô mas o custo-benefício dele era horrível.

  • Iago Santos

    Só enfraquece o elenco, é prejudicial ao Flamengo perder um jogador desse nível, VJ não sei se o real vai levar agora, paquetá pela bola que tá jogando também deve receber varias propostas.. é bom já ir pensando em nomes, só dourado vai dar conta não.

  • João Luiz Figueiredo Fracon Fi

    Triste pelo ser humano que não realizará seu sonho de jogar uma Copa do Mundo, pelo seu país onde é o ídolo máximo. Mas pelo Flamengo deixou muito a desejar, ganhando uma fortuna de quase R$ 1 milhão por mês (luvas + salário), entregou muito pouco. Não foi decisivo na Libertadores para nos classificarmos ano passado, não foi decisivo na finalíssima da Copa do Brasil e inúmeras outras vezes em partidas importantes, muito dinheiro e expectativa pra pouco resultado. Boa sorte ao Guerrero longe da Gávea.
    SRN

  • Iago Santos

    É engraçado, o Diego prendeu bola como sempre, Marlos moreno jogou poha NENHUMA, aí a culpa é do Guerrero, ser centroavante no Flamengo não é fácil.
    As vezes até o dourado fica apagado pq não recebe uma bola, a coisa so melhora com paquetá, Ribeiro e VJ.
    Geuvanio é um inútil, esse Marlos tá mostrando nada também, futebol do Diego SUMIU desde o ano passado.

  • Wagner Alves

    80% desses gols aí no campeonato carioca ou contra times de série b. Nem no vasco conseguiu fazer gol.

  • Elder

    ” a ideia é ter dois nomes grandes”
    Cadê o outro?