É hora de recomeçar, Flamengo!

Não podemos voltar atrás e mudar o que já aconteceu, mas sempre há uma oportunidade de recomeçar.

Há alguns anos atrás imaginávamos que estaríamos em 2018 no topo do brasil, sonhando com o mundo. Infelizmente, a realidade é bem mais dura que a expectativa gerada.

O Flamengo sofreu com uma sequência de erros de planejamento em seu carro-chefe, o futebol, e hoje precisa repensar e recomeçar. Aproveitando o momento, que teve seu estopim com a derrota para o botafogo e a demissão de praticamente toda a cúpula do futebol, é hora de voltar para os trilhos.

Durante esses anos, erros e mais erros de conceitos e principalmente de planejamento. Tivemos quase que um técnico diferente a cada 5 meses, com nomes como Cristovão Borges, Dorival, Ney franco e Mano Menezes que saíram pela porta dos fundos, com nomes como Luxemburgo, Rueda e Muricy, que nos deram a expectativa de um salto de qualidade e com apostas como Zé Ricardo e agora Barbieri.

Nenhum deles, nos deu o que sonhávamos: O topo. Um futebol bonito. Um futebol vencedor.

O Flamengo mudou estruturalmente, financeiramente, mas também mudou tecnicamente. Aquele peso da camisa parece ter aumentado sobre os ombros de quem a conduz e diminuído perante os adversários. O todo poderoso Flamengo perdeu até os seus principais aliados: O Maracanã, envolvido em uma politicagem nojenta, e o apoio de sua torcida, que se cansou de vexames, decepções e principalmente do distanciamento imposto pela nova filosofia da gestão do clube.

O Flamengo nessa gestão parece que se negou a de ser o time do povo, tentou ser o time do novo, do público que pode pagar, do que pode ser sócio torcedor, ou seja, se igualou aos demais: Se tornou um time comum, com públicos pífios e quando conseguiam encher os estádios, foi com um público diferente daquele que se acostumou a gritar durante 90 minutos.

Contratou jogadores por seus nomes, gastou como nunca havia gasto em sua história, mas a encomenda não veio conforme o esperado. Faltou algo importante em um clube como o Flamengo: DNA rubro-negro, DNA vencedor. Faltou identidade.

Sem casa, sem público, sem identidade, o Flamengo chegou até onde está nesse momento. Precisando recomeçar.

Os erros cometidos anteriormente não podem ser cometidos novamente. Se existe um momento para se buscar o recomeço é agora, e para isso serão necessárias algumas premissas:

  • – Ter humildade de reconhecer que sem a torcida, o Flamengo se iguala aos demais. Não podemos jogar para públicos de 10, 15 mil pessoas. Não importa se isso nos traz prejuízos financeiros. Isso não é Flamengo!
  • – O Flamengo se acostumou a vencer ao longo de sua história. Não podemos tratar vice-campeonatos, derrotas, como normais. Não gostamos de perder nem em par ou ímpar!
  • – Jogar no Flamengo exige entrega. Adoramos a técnica, mas não vivemos sem a raça. Tem que dar carrinho, tem que correr até não aguentar mais. Desistir e se conformar não é algo que esperamos de quem veste o nosso manto sagrado.
  • – O Flamengo não é lugar para estagiários. Tem profissionais que sonham a vida inteira em defender essas cores, portanto aqui não se testa, aqui não se brinca. Se você está no elenco, ou você tem que vir da base, ou você tem que ser vencedor. Se não se enquadra em nenhum desses, não deveria estar aqui.
  • – É muito bom ser reconhecido pela responsabilidade na gestão, mas se o resultado técnico não vier acompanhado, os números jogam contra. Aumentam a pressão e a cobrança, logo, é hora de privilegiar o lado técnico em relação ao financeiro. Vamos buscar os títulos, que o sucesso financeiro vem na carona.
  • O Flamengo é de todos, menos de alguns. Não é o contrário! O Flamengo é gigante. O Flamengo dá vida e vive de milhões de pessoas. Essa relação com a torcida deve ser natural, e nunca seletiva. É hora de dar oportunidade do time se aproximar da torcida, abram treinos, diminuam os valores de ingressos, tragam ídolos.

Recomeçar não é desistir, é ter inteligência para perceber que devemos mudar de caminho e começar de novo. Erramos, apanhamos, sofremos. Mas estamos vivos e podemos recomeçar. Ter humildade de reconhecer que precisa mudar é o primeiro passo, agora o desafio é não errar.

Esqueçam os interesses políticos e externos. Foco!

Sua Nação estará sempre contigo. Vamos resgatar as nossas raízes. Vamos em busca daquilo que se perdeu ao longo dos anos. Vamos voltar a ser o Flamengo!

SRN!

Jerônimo Simeão Júnior

Comente no Twitter usando a #ColunaDoJJ Concorda ou Discorda? Comente, cornete e se gostar Divulgue! Ah! e se quiser saber mais sobre o Mengão segue lá no Twitter @JeronimoSJunior! É Mengão 24 horas por dia!

  • Nicolas Gomes

    A primeira coisa a se fazer é botar o pé no chão ter consciência que sempre fomos um time grande como os outros esse negócio de ” sem torcida se igualamos aos outros” é balela Corinthians,Palmeiras, Cruzeiro,Grêmio sempre tiveram média alta de público e são tão ou mais apaixonados que alguns de nós, em relação ao planejamento nunca ia dar certo planejamento ano a ano de curto prazo é feito às pressas no fim de uma tenoitemp nunca dar certo temos que ter um planejamento a longo prazo implantar um esquema de jogo no profissional e na base que é o mais importante é fazer contração de jogadores que se adequam a esse esquema, só assim teremos sucesso como alguns clubes BrauskeBras vem tendo alguns anos Corinthians, Palmeiras,Cruzeiro,Grêmio e também como alguns clubes estrangeiros fizeram como o Barcelona que segue o mesmo padrão de jogo desde o Guardiola, assim como Outros que tem suas próprias identidades. daí pra frente é só sucesso #MENGO.

    • Andre Pacheco

      concordo em grande parte com você, a unica coisa que discordo é que todos esses times que você citou, nenhum tem presidente que quer interferir no futebol, sem conhecimento.

  • Flavio Fayet

    Temos que esquecer o passado , um dia fomos grandes porem hoje precisamos ser alem do que fomos , chegamos ao patamar criado por nos de time grande mas precisamos ser grandes , cada jogador tem que saber o seu papel no caminho da vitoria .Esqueca o passado vitorioso ,olhe para o que vem .Comissao tecnica tem que pensar todo dia em fazer o melhor com trabalho organizado com um time alinhado onde as pecas estao em nosso proprio time podemos ser grandes novamente .A midia nao nos compoe mas sim os torcedores .A midia [e somente uma midia mas o Flamengo pode ser gigante no futebol como sendo pequeno e crescendo a cada passo rumo a vitoria .

  • ailton

    Jorginho é ótimo nome no momento, agregador , etico e bom profissional

    • Lima

      Com todo respeito, Jorginho não deve nem passar em frente ao Flamengo.

  • Diego

    Cara se eu fosse jogador eu ficaria envergonhado de não ganhar essa porcaria de carioca. Não vale nada o campeonato, mas olha o nível desses times. O Flamengo tinha que ganhar isso com os pés nas costas mesmo não valendo nada. Se eu fosse um atacante ficaria mais envergonhado ainda. O sofrimento que a gente passa não vale a pena por esses jogadores.

    • junior92

      Envergonhados ? Vc acha que eles se sentem assim? . A realidade e outra a muito tempo. Jogadores querem vir porque sabe que em dia e bem. Não estão nem aí pra títulos. O que importa o $ no final do mês. .

  • junior92

    Esse elenco não sabe o que é flamengo, não adianta são jogadores superestimados. O banana de Melo transformou o DNA do clube. . Agora somos conhecidos como amarelão. Ninguém tem medo da gente..

    • Ricardo Freitas

      O pior é que sabem que até a nossa torcida amarelou, só vai pro estádio ST pra tirar selfie!!

      • Diego

        Essa diretoria virou só em marketing. Eles querem participar de tudo mas no final não participam bem em quase nada. Quem muito quer pouco faz. Deveriam ter prioridades mais bem definidas e, se estivesse dando resultado, partia para próxima. Se eles cuidassem bem do futebol o resto viria conjuntamente.

        • Fernandel Walker

          Não há marketing que resista à preguiça e à sonolência em campo.

      • Douglas Galvão

        É verdade Ricardo, cobrar mais de 100 reais em qualquer joguinho safado, até no estádio da Portuguesa, na Ilha, é pra afastar os torcedores do Flamengo ou de qualquer outro clube dos estádios.
        Cobrar mais de que 50 reais numa arquibancada num jogo de futebol é até irracional e, só poderia ser feito isso em final de Copas e campeonatos internacionais e nacionais.

        Essa é a minha opinião

  • Ricardo Freitas

    Beleza de texto Jerônimo 👏👏👏sem conversinhas, só a verdade!!!

    • Jerônimo Simeão Júnior

      Valeu Ricardo! SRN!

  • Douglas Galvão

    Jerônimo, mais uma vez venho comentar sobre a sua lucidez ao comentar o momento atual do Flamengo com muito acerto, concordo totalmente contigo e te dou os parabéns pela excelente coluna!

    Aqui em Maceió o CSA foi campeão alagoano(38 títulos) com merecimento e melhor futebol ganhando a partida final por 2×0 sobre o CRB(30 títulos) com uma excelente arbitragem do Wilton Pereira Sampaio que foi impecável durante todo o jogo.

    Apesar de a maior torcida ser do CRB(70%), time que perdeu, não houve nenhuma confusão, nenhum distúrbio após o jogo, pois, foi bem recebido por todos o resultado da partida devido principalmente pela excelente arbitragem, imparcial e precisa em todos os lances, coisa que não podemos dizer da partida entre os 2 rivais maiores paulistas onde a arbitragem parcial e criminosa gerou muita revolta, vandalismo e insatisfação geral pelos 2 gols anulados e 2 penaltis não marcados a favor do Palmeiras, além do penalti marcado e depois desmarcado por ordem do representante da federação paulista(segundo reclamações e fatos acontecidos no lance).

    Fica mais uma vez provado que uma arbitragem séria e honesta, faz com que o futebol seja mais respeitado por todos, o resultado que vier a acontecer, mesmo que o nosso time seja perdedor.
    Todos aceitam que “vença o melhor em campo”, que vença quem aproveita as oportunidades e chute certo para fazer os gols necessários para a vitória do time, seja ele qual for(o Alemanha 7 x 1 Brasil na Copa de 2014 é outro exemplo disso), mas o que ninguém aprova é ver o seu time ser roubado em campo por “fabricadores de resultados” como o sr. Aparecido(árbitro paulista que apitou a decisão entre Palmeiras x Corinthians).

    • Jerônimo Simeão Júnior

      Obrigado Douglas! SRN!

  • Douglas Galvão

    ´Jerônimo e Amigos Rubronegros
    Não sei vocês, mas eu gostei de ver os gambás campeões sobre os porcos com ROUBO NA ARBITRAGEM e, assim vai ser neste brasileiro.
    É bom o FLAMENGO e os outros times se prepararem porque vai continuar havendo MUITO ROUBO DE ARBITRAGEM em favor dos times paulistas, principalmente a favor dos gambás e dos porcos durante todo o brasileiro que tudo leva a crer que já está definido que será campeão o Palmeiras.
    Por isso o paulista para os gambás como prêmio de consolação no ano.

    Quem viver verá!!!!!!!

    Aquele abraço

  • Frederico

    Parabéns pelo texto, Jerônimo! Muito Bom!
    Vou pegar o gancho do primeiro parágrafo” (…) mas sempre há uma oportunidade de recomeçar.” pra dar uma opinião otimista.
    Em que pese tudo o que há contra o Flamengo dentro do próprio Flamengo, acredito, verdadeiramente, que o ano ainda não está perdido.
    Nos nossos últimos 3 títulos nacionais (2006, 2009 e 2013) trocamos de técnico no decorrer da temporada.
    Reconheço que nosso elenco não é tudo o que esperávamos, mas não compartilho da opinião de quem generaliza e taxa de um elenco sem vida, sem sangue, que não corre, que não tem raça etc etc etc. Vejo jogadores que se entregam em todos os jogos (o que não significa que serão sempre brilhantes). Nunca vi o Diego se omitindo em campo, pode até errar e fazer partidas abaixo da média, mas nunca se omitiu, inclusive na parte defensiva. O Réver sofre com lesões, mas, mesmo com suas limitações, sempre dá o seu máximo. Também não vejo falta de entrega no Juan, Cuéllar, Guerrero, Rodinei, Berrío e Renê (não estou avaliando o desempenho técnico). Paquetá nem se fale. Rodholfo e Vizeu quando brigaram em campo nos deram mostra de inconformismo com a derrota. Aliás, o Rodholfo é outro que sempre dá o seu máximo. Diego Alves, goleiro reconhecido na Europa, quis vir para o Flamengo. E não me venham com esse blá blá blá de que o jogador só quer vir para o Flamengo porque o Flamengo paga em dia. Isso é um discurso que diminui o Flamengo. Diego Alves deu mostras de que sabe a grandeza que o Flamengo possui. Tinha propostas pra continuar na Europa, onde também se paga em dia e não se corre os riscos de um Rio de Janeiro, mas ESCOLHEU o Flamengo.
    Acredito que a chegada de algumas boas peças no meio do ano pode revigorar completamente o time.
    Além disso, a tabela do início do brasileirão é bem favorável ao Flamengo e a classificação às oitavas da Libertadores uma possibilidade bem plausível. Fora nosso histórico de boas participações na Copa do Brasil, que a cada ano tem ficado mais atrativa e competitiva.
    Enfim, façamos nossa parte: Vamos torcer. Sejamos sempre Flamengo. E sejamos principalmente torcedores de futebol, não de dirigentes. Não importa se o Presidente é o Bandeira ou o Kléber Leite (Deus nos livre); não importa quem é o Diretor de Futebol ou o Vice-Presidente carimbador substituto; Torçamos! O Flamengo em campo é maior do que todos!

    • Jerônimo Simeão Júnior

      Obrigado Frederico. SRN!

    • Mastroiano

      e ai o nobre amigo acordou!
      Se enxerga palhaço, esse time está cheio de sangue suga.

      • Frederico

        Dispenso sua baixaria, meu caro. Aprenda a respeitar opiniões e se manifestar com educação. Além disso, tente escrever o que pensa expondo argumentos. Pode ser difícil pra vc, mas tenta aí…quem sabe vc consegue.

        • Mastroiano

          Cara escreve um texto enorme para defender sangue suga.
          Respeito opiniões agora o que você fez foi papel de trouxa, qualquer um ver que o Flamengo já era com esse Bandeira e só otário acredita que pode mudar!
          Tem é que cancelar o socio torcedor em massa, como está sendo feito, para desqualificar esse idiota chamado EBM.
          Se liga o baba ovo!

  • Fernandel Walker

    Texto perfeito! Mais uma vez, parabéns!

    • Jerônimo Simeão Júnior

      Obrigado Fernandel! SRN!

  • Guilherme Oliveira

    Esse time do Flamengo não vai ganhar nada, trocou de técnicos mil vezes e o time não joga nada? O problema não e o técnico faz tempo

  • Bruno Botelho

    Nem para recomeçar dá mais, até depois das eleições!

    Cansei.

  • Wagner Stadler

    Recomeço só em 2019 com Bandeira fora. O que ele fez com Carpegiani foi a maior prova de que não entende nada de nada, nem entro no mérito da capacidade do técnico mas o que fez não se faz, contratou pra ser coordenador, colocou como técnico e demitiu em 3 meses!!
    Vem 2019, vai Bandeira!!!!
    E chega desse papo que tem que ter conselho de gestores pra administrar, isso não dá certo no futebol!!

    • Mastroiano

      Esse EBM é o maior canalha que eu já vi nos ultimos anos.
      Traiu os amigos, não é a toa que está se filiando a partido politico, mais um safado para se candidatar, espero que os flamenguistas não sejam tão imbecis de votar nesse canalha.

    • Jerônimo Simeão Júnior

      Ainda temos 8 meses. Temos que tentar terminar o ano de forma digna.

  • José

    Perfeito Jerônimo. Aonde eu assino?

    • Jerônimo Simeão Júnior

      Hahaha. Só de comentar já me deixa feliz. Abraços. SRN!

  • Diogo Mattos

    Mandou muito bem nas colocações!

    Cara para ser um recomeço de verdade e não ser mais uma pixotada deveria entrar em acordo com a chapa adversária e apontar um nome comum já pensando em 2019. Se o “nome” não puder vir, alinha, vê se fim do ano vem! Aí mantém alguma coisa alinhada.

    • Jerônimo Simeão Júnior

      Valeu Diogo. O Flamengo tem que estar acima de tudo.

  • Mastroiano

    Ih doido!
    Isso aí que você está pedindo só em 2019.
    Cara me impressiono como as pessoas não conseguem enxergar que esse EBM é um merda!
    Nego ainda acha que tem jeito com esse cara.
    Que venha 2019 com Landim, BAP, Tostes, Valim, esses caras foram usurpados por esse canalha chamado EBM!
    Erro foi dos sócios que reelegeram esse calhorda!

    Pessoal só precisamos esperar mais 8 meses e acabou!

    #FORAEBM

    Espero que esses irresponsáveis não deixem o Flamengo rebaixado esse ano.

  • Vamos Flamengooooo em 2019

    Já era para ter começado desde a eliminação da Libertadores de 17.

  • Reinaldo Fontana

    FALA BEM VC MAIS NADA ACONTECE NO FLAMENGO ADRIANO SEM PERNA E MELHOR QUE ESSE TAL DE DOURADO E PIOR JOGADOR QUE O FLAMENGO JÁ COMPROU CHEGA ATE DOER MEU CORAÇÃO

    • Agnaldo

      Pior que o Negreiros? Dimba? Josiel? Denis Marques? Goeber? Sambueza? Sério que você acha o Dourado pior que qualquer um desses?

      • Rodrigo Andrade

        Pelo que tá jogando, posso afirmar que é do mesmo nível, ainda não vou cravar isso aí, mas tá caminhando pra esse seleto grupo de caneleiros que passaram pelo Flamengo.

  • Agnaldo

    Penso que a torcida também deveria dar uma trégua, se por um lado o clube precisa aprender com os erros, por outro a torcida também precisa rever seu comportamento. Por que não começar a apoiar de forma incondicional o time? Faz um acordo, coloca uma meta, sei la, mas seria interessante que a torcida começasse a cantar mais, gritar mais e vaiar menos. Se por um lado sempre fomos acostumados com raça e entrega, por outro, sempre fomos conhecidos por ter uma torcida fanática, empolgante, tanto um quanto o outro estão deixando a desejar.

    • Jerônimo Simeão Júnior

      Concordo Agnaldo. É hora de fecharmos um pacto. Juntos somos mais fortes.

    • mateus

      A torcida não é burra e até mesmo a fé precisa ter fundamento.
      Apoiar incondicionalmente jogadores ruins ou os que só estão aqui pelo dinheiro é perda de tempo.
      Já vimos a torcida por pura fé apoiar e gritar nome de muralha, Márcio caramujo, Rômulo, Arão, Pará… é qual o resultado ?
      Esses mesmos estercos passaram merd* na cara da torcida.
      Quando o grupo mostrar que merece terá esse apoio incondicional que você fala.

  • Douglas Galvão

    Amigos Rubronegros
    A filosofia de trabalho dessa diretoria cobrando mais de 100 reais em qualquer joguinho safado, até no estádio da Portuguesa, na Ilha(onde gastaram cerca de 15 milhões pra recuperar e aumentar a capacidade – OUTRO ERRO dessa diretoria), é pra afastar os torcedores do Flamengo ou de qualquer outro clube dos estádios.
    Cobrar mais de que 50 reais numa arquibancada num jogo de futebol é até irracional e, só poderia ser feito isso em final de Copas e campeonatos internacionais e nacionais.
    Por isso e, por essas frequentes desclassificações vemos hoje o Flamengo jogando para plateias insignificantes seja em que estádio for.

    A construção de um estádio próprio é inadiável e, tem que ser a próxima meta do Flamengo!!!!!!!

    Não culpo o Renato e nem o Abel pela recusa, pois, os mesmos passaram vários meses esperando proposta do Flamengo que os esnobou e preferiu continuar tendo fracassos e derrotas até humilhantes mantendo o ZR apesar de erros constantes que nos levaram a desclassificações inexplicáveis e vergonhosas!

    Essa é a minha opinião

  • RSSoares

    Até hoje não me convenço q o Rueda saiu DAQUELE JEITO apenas por causa da seleção chilena. Isso respinga até hoje no planejamento do clube. Ele cobrava forte pós jogos e dizem q os jogadores não se acostumaram. Nisso acho q a diretoria em nenhum momento deu respaldo a ele. Digo isso, pq ele sacaneou a diretoria nesse imbróglio no fim do ano. E o mister Caetano foi atrás do mega Carpegiani.
    A multa era de 1 milhão. Mesmo q fosse de dólares. O ideal seria um treinador brasileiro, mas o mercado está terrível. Então como nesse ano com essa bola não somos favoritos nem pata torneio de peteca.
    Um técnico estrangeiro não seria um fim do mundo. O time já não está jogando nada de nada mesmo.

  • alessandro j nascimento

    EXELENTE JERONIMO, analise perfeita e coerente, acrescento ainda mais um erro crucial.
    A mudança de plataforma tática ou filosofia tática da equipe, lembro de uma entrevista que a diretoria queria um time protagonista então usando de números e convicções próprias adotaram o que tinha de melhor na europa, ou seja 4-3-3.
    depois analisando material humano ou seja pecas, viram que faltava tudo para um sistema com 3 atacantes.
    tínhamos um 4-4-2 em linhas um 4-3-1-2 losango ou ate um 4-2-3-1 que dominou o futebol brasileiro ate pouco tempo, estávamos no caminho certo precisando melhorar a qualidade e não a plataforma tática.
    com ze Ricardo e com um par de anos de atraso sai o sistema com 3 atacantes de novo e ninguém mais serve para nada. e agora usamos com um atraso ridículo, e tite vai provar disso na copa, um 4-1-4-1 quando oque vejo no brasil são equipes jogando claramente no 4-2-1-3 e na europa 5-4-1 ou 5-3-2 ou seja; ou você joga como todos jogam no brasil, ou esteja a frente e jogue como jogam na europa.

  • Rodrigo Andrade

    Teve vários textos desse aí depois da eliminação na Libertadores do ano passado, esperávamos ao menos uma redenção no Brasileirão, mas os FDPs conseguiram ficar fora da briga pelo título na metade do campeonato.
    Eu sinceramente, não espero nada desse time, já mostraram que não são capazes de grandes feitos, eles não tem ambição nenhuma, sequer se importam com a pressão, eles tem um ou outro lampejos durante o ano, e só, pra eles já está bom.

  • fernanda

    Que texto maravilhoso, pqp

  • César Augusto

    GESTÃO EBM: “VAMU QUE VAMU LEVANDO”