CBF afasta trio de arbitragem após erros na estreia do Brasileirão

A comissão de arbitragem da CBF afastou o trio de arbitragem que apitou a partida entre Vitória e Flamengo, em Salvador. Wagner Reway e os auxiliares Rodrigo Rubinho e Marcelo Grando, foram responsáveis pela expulsão de Everton Ribeiro no lance em que o camisa sete tirou a bola em cima da linha com a cabeça, mas acabou sendo tirado da partida por um cartão vermelho direto. Os erros considerados graves e os três passarão por uma reciclagem. A “pena” é válida por três jogos do Brasileirão.

Eles receberão os lances em vídeo para que relatórios sejam confeccionados com avaliações. Caso se mostrem aptos, voltarão a apitar no Brasileirão. Enquanto isso, eles só podem dirigir jogos na Série B.  Na visão da comissão de arbitragem o erro no segundo gol do Flamengo foi mais grave do que o polêmico lance que resultou na expulsão de Everton Ribeiro. O posicionamento errado do auxiliar acaba definido a jogada.

Já na jogada em que o meia do Flamengo foi expulso, a comissão de arbitragem entende que a velocidade fez a diferença no lance. A orientação é para que os árbitros tomem uma decisão rápida. Entendem que houve um erro, mas nada será alterado, ou seja, Everton Ribeiro fica fora da partida contra o América Mineiro.

44 Comentários
Carregando comentários...
Criação de sites e aplicativos para celular