Love abre o jogo e revela detalhe da negociação com Flamengo

No começo do ano viveu-se a expectativa do retorno de Vagner Love ao Flamengo. O Mais Querido chegou próximo de acertar a contratação do jogador, mas a negociação com o Alanyaspor emperrou. O atacante concedeu entrevista exclusiva ao Uol Esporte, e falou abertamente sobre a negociação. De acordo com Love, faltou o clube carioca ter feito um esforço maior e oferecido dinheiro para que hoje ele pudesse estar vestindo rubro-negro.

Acertei o salário com o Flamengo, mas as coisas com o clube turco não ocorreram como queria. Tinha muita vontade de voltar, mas o Flamengo não queria fazer uma proposta para me comprar. (…) Se o Flamengo tivesse o poder financeiro para fazer a compra, com certeza teria voltado ao Brasil. Era a minha preferência -, confessou o atacante.

Vagner ainda revelou como foi o desfecho da negociação com o Besiktas, da Turquia. O atleta contou que o Fla não tinha dinheiro para pagar o então clube dele, já Os Águias Negras chegaram oferecendo cerca de R$ 10 milhões. Love ainda elogiou a forma como foi recebido pelos novos companheiros de equipe.

O Flamengo não tinha dinheiro para pagar o Alania, o Besiktas já tinha. Também era uma boa para mim estar em um clube grande e disputar uma Liga dos Campeões. (…) Fui bem recebido pelo Adriano, Talisca, Pepe e Quaresma; enfim, me deixaram muito à vontade -, contou o atacante.

Por fim, ao ser perguntado se teria preferencia em se aposentar por algum clube brasileiro, Vagner não hesitou. O jogador afirmou não ter desejo em um time específico, detalhou sua vivência dentro do Brasil e disse que vai para o clube que o desejar.

Palmeiras me revelou e me deu todo o suporte para jogar fora do país; o Flamengo me abriu as portas e nunca neguei que é o clube do meu coração; e o Corinthians me abriu as portas depois da China e ainda fui campeão brasileiro. Se voltar para o Brasil, jogarei para o time que me quiser. Não adianta falar que quero A, B ou C. Quero voltar se tiver a chance de jogar -, afirmou.

Love entende que, para continuar sendo desejado pelos grandes do Brasil, não deve prosseguir muito mais tempo na Turquia. “Se voltar, os clubes citados quiserem contar com meu trabalho, ficarei feliz, mas também quero estar bem fisicamente para jogar. Se não voltar daqui a um ano ou dois anos é melhor encerrar a carreira, pois aí vai chegando a idade e o Brasil tem muitos jogos durante o ano“, finalizou.

Vagner Love entra em campo nesta terça-feira (20), para enfrentar o Bayern de Munique, na Alemanha, pelas oitavas de final da Liga dos Campeões da Europa. O centroavante, recém-chegado ao clube turco, disputou quatro partidas pelo Besiktas e marcou dois gols.

0 Comentários
Carregando comentários...