Home Colunas Felipe Vizeu tem capacidade para ser o nosso camisa 9?

Felipe Vizeu tem capacidade para ser o nosso camisa 9?

1299
0
SHARE
'

O grande dilema dessa temporada é de quem exercerá o comando do ataque do time do Flamengo, visto que, Guerrero cumpre suspensão, a negociação com Fred não avançou e ele acabou indo para o Cruzeiro, e não há nenhum sinal de reforço para a posição. Diante disto, surge o nome de Felipe Vizeu, jogador revelado pelo clube e que terminou a temporada em alta no ano passado, inclusive sendo artilheiro da Copa Sul-americana, torneio do qual o clube foi vice-campeão.

Vizeu foi promovido aos profissionais ainda em 2016, depois de ser campeão e eleito o melhor jogador da Copa São Paulo de Futebol Júnior pelo Flamengo. Com a negociação de Kayke, atacante reserva de Guerrero na época, logo começou a ter oportunidades nos profissionais, e sempre que entrava, aproveitava as oportunidades, fazendo gols. Isso acabou levando ele a ser escolhido como um dos quatro suplentes oficiais da seleção olímpica na disputa dos jogos. Contudo, como Guerrero se ausentava de vários jogos por causa dos compromissos com a seleção peruana, a diretoria de futebol decide investir em Leandro Damião.

A chegada de Damião coincidiu com o melhor momento de Vizeu à época no Flamengo, quando fez dois gols em um confronto contra o Atlético-Mg. Apesar disso, Zé Ricardo promoveu Damião a substituo imediato de Guerrero, e Vizeu passou a ter poucas oportunidades, e nem mesmo ser relacionado para o banco de reservas em várias oportunidades.

Já em 2017, Vizeu foi titular na disputa do Sul-americano sub 20 pela seleção brasileira, e apesar do péssimo desempenho da equipe, ele se destacou, fazendo vários gols. Contudo, no Flamengo, continuava sendo o terceiro reserva no ataque e pouco utilizado. No entanto, no segundo semestre, Damião pede para ser negociado com o Inter, sendo assim abre uma brecha para Vizeu, que desmotivado e fora de forma, vê Paquetá receber oportunidades em seu lugar.

Coincidência ou não, o momento do camisa 47 mudou depois da confusão com Rhodolfo no jogo contra o Corinthians, sendo que logo depois desse lance, ele faz um gol. Depois disso foi peça fundamental no confronto das semifinais contra o Júnior Barranquila pela Sul-Americana, e autor de passe precioso para Éverton na final contra o Independiente, ainda no começo do jogo, que perdeu gol feito.

O fim de ano de Vizeu, fez com que ele fosse valorizado e procurado por clubes como Santos, Lokomotiv, Napoli e Independiente. Diante do exposto, é recomendável que o Flamengo possa reconhecer nesse atacante, não só o futuro, como o presente para a camisa 9 do clube. Visto que ele, apesar de jovem, já tem experiência, inclusive sendo artilheiro de torneio internacional, tem estrela para decidir jogos, e com confiança, tem tudo para evoluir, assim como Paquetá.

Saudações RN
Por: Wesley Paulo

Comentarios

comentário