Carpegiani pode ser provisório no Fla até chegada de Renato Gaúcho

A apresentação do novo treinador do Flamengo, Paulo César Carpegiani, aconteceu no início da tarde desta terça-feira (09). Contudo, muitos julgaram algumas respostas de Carpegiani como confusas e praticamente improvisadas. Ficou a sensação de que ele assumir não estava no planejamento.

Ele chegou até mesmo a admitir que a diretoria do Fla tem total respaldo para substituí-lo antes do fim de seu contrato. Para que assim, ele assuma o cargo de coordenador técnico e alguém de maior confiança do clube e da torcida siga como o treinador definitivo da equipe.

O nome que mais agrada é o de Renato Gaúcho. Apesar de estar fazendo sucesso no Grêmio, com a recente conquista da Libertadores, ele já deixou claro que tem o desejo de comandar o Mais Querido. Embora ele já tenha acertado sua renovação com o time gaúcho, não há multa rescisória, de acordo com matéria do jornal O Globo.

Por enquanto, os mandatários do Fla descartaram a investida em Renato Portaluppi, mas a ideia é que se a gestão se reeleger em 2019, o projeto siga em frente. Carpegiani seria promovido a treinador e Portaluppi, então, assumiria o comando da equipe.

— Hoje sou treinador do Flamengo. Existe um projeto. Mas não está afastada a possibilidade de encontrar a pessoa que pode estar à frente do time amanhã ou depois —, disse Carpegiani na apresentação.

Entretanto, o presidente Eduardo Bandeira de Mello tentou diminuir a confusão e deixar um pouco mais clara a ideia da diretoria com o novo treinador. Ele disse:

— Quando a coisa encaminhou para a saída de Rueda, chegamos à solução do Carpegiani, que seria nosso coordenador, mas preferimos colocá-lo como treinador. Não existe isso de que ele colocou prazo para sair e assumir a coordenação. Não é para ninguém ficar perguntando se já escolheram outro treinador.

82 Comentários
Carregando comentários...