Ano novo, vida velha?

Saudações, galerinha do mal… Eu sou Nick Marques e eu escolho tumulto.

Começamos o ano com a pior expectativa possível; para muitos 2017 foi um “2016 parte 2” e tudo aponta nestes primórdios de janeiro que viveremos o memorável desfecho desta trilogia caótica que vem sendo o “dentro de campo” do segundo mandato Bandeira de Mello.

Mesmo que as coisas encontrem o caminho correto, se encaixem como devem ser e consigamos uma boa estrutura de equipe para esse inicio de temporada e o restante dela, isso não apagara o inicio incerto e turbulento pelo qual o Flamengo passa nestes primeiros dias de 2018.

Uma baixa movimentação no mercado, quando algumas contratações pontuais são mais do que necessárias; uma indefinição no comando técnico da equipe por parte da permanência ou não do treinador, uma “falsa barca” onde grande parte dos jogadores que saíram eram atletas que já estavam emprestados em temporadas passadas, tornando real apenas as saídas de Marcio Araújo, Matheus Sávio e Conca, muito pouco para as pretensões de barca que todos imaginávamos.

No final, com todas essas turbulências que podem ser amenizadas, mas não apagadas, percalços esses que atrasavam consideravelmente a preparação da equipe, estamos com uma expectativa muito ruim para a temporada que se aproxima a ponto de nossa grande esperança a própria superstição.

A ultima vez que Flamengo iniciou uma temporada com uma expectativa tão baixa havia sido em 2009, vindo de um ano onde caiu na Libertadores num fiasco diante do América do México e logo em seguida liderando toda a campanha em 2008, ficando fora do G4 a última rodada, o que na ocasião causou a demissão do saudoso técnico Caio Jr, que descanse em paz.

Como fora dito, nossa expectativa para 2018 é “tão boa” que temos de puxar essas coisas para amenizar a angustia de especular e simular mentalmente como ele de fato será, no fim das contas, eu temo por 2018, eu temo pelo River Plate, eu temo pelas competições nacionais, pela falta de contratações, mas há esperança.

Nossas principais contratações já estão aqui, Diego Alves, Thiago, César, Réver, Juan, Rhodolfo, Trauco, Cuéllar, Ronaldo, Arão, Diego, Everton Ribeiro, Paquetá, Guerrero, Vinicius Jr, Berrío, Vizeu… Que venha 2018!

Sigam-me os bons: @RadioETumulto

52 Comentários
Carregando comentários...
Criação de sites e aplicativos para celular