Prezado Papai Noel…

Saudações, galerinha do mal… Eu sou Nick Marques e eu escolho tumulto.

Eu sei que esse ano eu passei de longe de ser um menino bom, mas o que aconteceu dentro de campo foi sacanagem Papai Noel, tá me zoando?!

Escrevo esta carta, faltando ainda uma semana para o aguardado Natal, sem ânimo algum para rabanadas ou panetones, não quero uma bicicleta (até porque o Damião deu algumas em 2017 e isso não me fez feliz), não quero um videogame, nele já conquistei os títulos que almejo ver em nossa sala de troféus.

A verdade, Papai Noel, é que ano passado eu desejei que o Flamengo tivesse um time estrelado e que o ano fosse inesquecível, aqui estou eu completamente arrependido do desejo que fiz.

Comemorei contratações, vi um inicio de ano avassalador do Flamengo que encerrou com a queda na precoce na Libertadores, e ladeira a baixo, altos e baixos que renderam muitas frustrações pra quem esperava um ano “mágico”.

Esse ano eu não comemorarei contratações, não quero cair nas mesmas armadilhas, não cometer os mesmos erros, existe uma grande prioridade que foi dita por um número incontável de pessoas que acompanham o Flamengo em seu cotidiano e esse é o único desejo de Natal, a única prioridade.

Em 2018 o futebol precisa ser coordenado, precisa ser liderado, administrado por algum indivíduo que realmente saiba como funciona o futebol; porque cá entre nós Papai Noel, o senhor não entende nada de futebol.

Sigam-me os bons: @RadioETumulto

9 Comentários
Carregando comentários...
Criação de sites e aplicativos para celular