Home Notícias GE: “Análise: Fla forte na bola parada precisa cuidar da proteção na...

GE: “Análise: Fla forte na bola parada precisa cuidar da proteção na entrada da área”

1296
44
SHARE

A missão não é impossível. O Independiente de Avellaneda, com toda sua tradição e 16 conquistas internacionais, tem qualidade para fazer jogo duro no Maracanã lotado da próxima quarta-feira. Mas é vulnerável em jogadas de bola aérea, como Réver, arma conhecida do Flamengo, mostrou logo cedo. Por muito pouco Juan não fez o segundo gol rubro-negro em outra jogada ensaiada.

O perigo do time argentino mora nas jogadas pelos lados de campo – e na entrada da área. Há uma sincronia entre os lances de ponta dos atletas do técnico Ariel Holan e a chegada na área dos seus jogadores de meio de campo. Nem Willian Arão nem Cuéllar acompanharam corretamente os jogadores argentinos em lances de perigo. Veja abaixo as sequências.

O FLA VULNERÁVEL

Arão sai e Pará salva chute de Miño

Cruzamento da direita teve furada de Gigliotti e Miño livre. Pará, atento, saiu rápido e conseguiu cortar (Foto: Reprodução)

A marcação de jogadas de lado de campo do Independiente foi falha por que os argentinos conseguiram cruzar boas bolas na área. Se numa delas, Arão foi perfeito ao cortar de cabeça, em outra não acompanhou e deixou Miño completamente sozinho. Sorte que Pará se atirou e conseguiu salvar o gol do Independiente.

Silva chuta mal

Mas não foi a única jogada em que um jogador no meio da área teve liberdade. O Flamengo teve dificuldades de entender o sistema de jogo do Independiente. Gastón Silva encontrou espaços na defesa rubro-negra saindo da esquerda para o meio. Na jogada abaixo, ele passa a Gigliotti, espera receber de volta e chuta forte, mas muito alto, torto. A troca de posições confundiu a marcação do Flamengo. Na imagem, Cuéllar e Arão ainda estão muito longe do lance.

Silva procura Gigliotti, sempre no pivô, e espera receber de volta para chutar. Arão e Cuéllar, muito distantes, acompanham a jogada (Foto: Reprodução)

Cuéllar vacila e Meza, com enorme felicidade, aproveita

A ânsia de parar o jovem Barco fazia com que um ou até dois jogadores fechassem o setor de Pará. Ora Willian Arão acompanhava o ponteiro, ora Éverton Ribeiro se aproximava mais. O lance do segundo gol argentino teve rápida indefinição da dupla. Arão deslocou Ribeiro da jogada, pedindo para que fechasse a marcação pelo centro. Cuéllar, que estava colado em Meza, saiu e deixou o meia do Independiente completamente livre. O chute saiu perfeito para a virada.

No início da jogada, Cuéllar está bem próximo de Meza (Foto: Reprodução)

Cuéllar sai e deixa Meza totalmente livre para ajeitar o corpo e finalizar sem ser incomodado (Foto: Reprodução)

No fim, repetição do espaço na entrada da área

Com 2 a 1 no placar, Barco ganhou ainda mais confiança para fazer jogadas individuais. Se Trauco sofreu no primeiro tempo, Pará, Arão e Éverton Ribeiro tiveram mais dificuldades na segunda etapa. Em jogada de contra-ataque, o argentino tentou fazer bonito e colocar no ângulo. Pelo meio, outro jogador do Independiente se apresentava para receber e chutar a gol.

Barco tenta o chute. Na entrada da grande área se aproximava mais um jogador argentino livre (Foto: Reprodução)

ARTILHARIA AÉREA DO FLA

Com dificuldades na criação, em momento de dificuldades de Diego e de Éverton Ribeiro, o Flamengo assume nas bolas altas a melhor alternativa para furar defesas rivais. Com 1,92m e muita impulsão, Réver sai para um lado em bolas altas, com Juan pelo outro lado. A dupla puxa marcação e costuma se sair bem. Contra o Independiente, depois de Réver, quase Juan marcou o segundo.

A organização do Fla na bola parada: Trauco procura Réver no segundo pau (Foto: Reprodução)

Comentarios

comentário

  • Novidade (falei que deveríamos entrar com 3 volantes e riram de mim)… &;-D

  • Paollo

    Bem evidente, principalmente pela indolência do Sr Arão. O cara não cerca, não dá bote, não faz nada, existe um buraco na frente da defesa que deixa os meias adversários livres pra pensar a jogada toda. Sem contar que o time consegue levar gols de contra-ataque quando tá ganhando o jogo, isso não é de hoje.

  • Daniel Silva

    arão é uma lesma, um espécie de bicho preguiça com tartaruga

    • Glauco

      Concordo com o que vc disse, mas por enquanto é o que temos, vamos apoiar até a próxima partida, depois cobramos alguém para o lugar dele.

      • Daniel Silva

        temos o Paquetá, sempre jogou assim na base; esse negocio de ficar ousando o moleque para correr atrás de lateral e de ponta é um desperdício

  • Joaquim Naves

    A falha está evidente nas laterais principalmente na esquerda eles sabem que Trauco não marca nada. Na esquerda temos opção em colocar Everton Cardoso marca melhor, já provou. O Vinícius fica na esquerda e Paquetá na direita mas ajudando no meio esse meio tem que ser mais incorpado para ganhar ali. É nítido que ali tem um buraco. E Arão tem que acordar para render o que tem por que ele tem para dar mais que apresentou.
    Alguém aí do Rio poderia dar uma palhinha, uma idéia ao Rueda.

  • Pablo Caiado

    sinceramente vcs nao acham que o Trauco estava completamente exposto no primeiro tempo, sempre no mano a mano ou em desvantagem numerica??

    • Lameira

      Por isso que não dá pra começar o jogo com VJr, como pedem por aí. Se com o Paquetá foi assim, imagina com ele que, apesar de ser nosso melhor atacante, não sabe marcar.

      • Pablo Caiado

        exato, nao que Trauco seja um otimo marcador… mas o povo viaja, ontem quando Vinicius pegava a bola na ponta tava o lateral em cima e mais 1 ou 2 na sobra.
        como deve ser…

        • rafa

          vc mesmo respondeu. Com o Vinicius junior em campo o lateral adversário não podia subir e ainda tinha que ficar 1 ou dois volantes para ajudar. Já com o atacante com ordem de marcar o lateral o tempo todo deixa o adversário livre para atacar

          • Pablo Caiado

            amigo, se fosse facil assim nao existiria contrataque no futebol…
            fora o fato que o time deles recuou inteiro apos o segundo gol por opcao.

          • rafa

            o pior que é fácil assim mesmo, mas o medo de perder tira a vontade de vencer e como disse o amigo acima o atacante não pode ser o principal responsável pela marcação

          • Pablo Caiado

            quem falava isso era Luxemburgo, esta’ perdendo ha anos…

          • rafa

            talvez porque não coloque em pratica o que fala

          • Pablo Caiado

            ok, precisamos de vc como tecnico!

          • Paulo Vinícius Siviero
      • Damon

        Que jogue com 3 volantes e tire a obrigação do Vjr de marcar lateral.

    • Ltom Macêdo

      mas ontem até em baixo das pernas levou, cara primeiro tempo horroroso do trauco, e só não foi pior em campo pq deu uma assistência e pq o WA errou 8 passes…

      • Pablo Caiado

        verdade, mas ontem no final das contas o resultado foi bom.

        Vamo pra cima deles em casa .
        valeu.

    • lucasrf8

      Isso evidencia o grande problema do Trauco defensivamente. Ele precisa do Éverton para auxiliá-lo na marcação. O primeiro tempo foi todo em cima dele, pois perceberam a sua fragilidade na marcação.
      Na minha opinião, o Rueda deveria tirar o Arão para a entrada do Éverton para jogar na esquerda e recuaria o Diego e o Paquetá, com o Éverton Ribeiro um pouco mais solto.

      • Damon

        Com o Cuellar e Arão que são de marcação os caras já passearam imagina só o Cuellar. Aí será 5 x 0 pra eles.

        • lucasrf8

          O Arão e nada, é a mesma coisa. O Éverton ajuda muito mais defensivamente que o Arão. Recuando o Paquetá e dando ao Diego funções defensivas, o Flamengo iria melhorar e muito defensivamente.

      • Pablo Caiado

        Idependente dele ser fraco defensivamente lateral nenhum pode ficar no mano a mano com atacante…

        O problema do Arao sair e’ que ele eh muito bom nas bolas altas, perderiamos essa primeira bola que vem do goleiro adversario e nos escanteios ele tb eh importante pelo alto (tanto no ataque quanto na defesa)

        • lucasrf8

          Concordo que nenhum lateral pode ficar no mano a mano com o atacante, mas o Trauco não pode dar tanta facilidade para o adversário chegar ao fundo.
          Respeito sua opinião, mas não dá para o Arão ficar no time só pq ele é bom na bola aérea. 90% do jogo acontece no chão e ele não ajuda em nada. A partida que ele fez ontem me deu nojo.

          • Pablo Caiado

            Lucas, ontem ele foi muito mal mesmo, mas nao adianta que o Rueda nao vai inventar nem deslocar ninguem pra posicao dele no ultimo jogo do ano…
            eh ele ou Marcinho…(kkkk)

            vamos torcer.
            valeu!

          • lucasrf8

            Infelizmente tenho que concordar contigo que de fato o Rueda não fará nada de diferente.
            Quarta que vem iremos fazer a nossa parte e jogaremos pelo Arão.

  • Damon

    De quem foi o erro do segundo gol? Do mito Cuellar? Não pode cometer um erro desse.

    • rafa

      Não acho Cuellar um jogador ruim, apenas lento com extrema dificuldade de acompanhar jogadores velozes, no time do fla atual ele tem que ser titular pois as opções são péssimas, o problema é que ninguém pode critica-lo pois virou um semideus para as cuellarzetes.

    • Ltom Macêdo

      o erro maior do lance foi do WA, mas cuellar errou também.

      O WA deu um drible no driblador, fingiu que ia e nao foi

    • lucasrf8

      O Cuéllar falhou por ter dado espaço para o cara que fez o gol, mas a forma com que o jogador do Independiente passou pelo Arão, foi estilo pelada. Não dá para um jogador em uma final ter o nível de atuação que o Arão teve.

  • kingDavid

    Marcação começa pelo centro-avante. Qualquer time entra tocando a bola até a cabeça de área do Fla, até o Vitória chegava facil. Isso porquê 2 jogadores do Fla são dispensados de marcar. Isso já vem desde ZR que deixava Guerrero e Diego livres desta tarefa. O Fla continua fazendo umas das marcações mais frouxas que tenho visto, todo o coletivo está mal, sobrecarregando defesa e goleiro.

    • Cleberton Ferreira

      Isso que precisa ser corrigido.flamengo da espaços demais.os caras so olham.tem que marcar colado meu irmao.o adversario domina a bola,com muita tranquilidade sem marcaçao alguma.

  • rafa

    Como digo sempre arão e Cuellar são os melhores que temos hoje , mas para o ano que vem me livraria de romulo e márcio araujo , contrataria dois volantes de qualidade incontestável para serem titulares e traria de volta o Ronaldo para ser reserva com arao e cuellar

  • lucasrf8

    O Flamengo está muito mal taticamente. A segunda linha de 4 fica muito próxima da linha de defesa e isso sempre proporciona ao adversário nos sufocar. O fato do Diego e Vizeu não fazerem nada defensivamente, faz com que nossos adversários sempre ganhem numericamente no meio.

    Os nossos laterais são medíocres. No meio de campo só o Cuéllar sabe marcar. O Arão e nada é a mesma coisa. Paquetá de ponta esquerda é um desperdício.

    Vejo uma inversão entre Diego e Éverton Ribeiro. Não gosto do Diego embolado nos volantes adversários e muito menos o Éverton Ribeiro tão longe do gol do adversário.
    Ao meu ver o Diego tem características de jogar mais recuado por ter visão de jogo e saber cadenciar. Já o Éverton Ribeiro é um jogador que possui um bom drible e consegue dar aquele passe imprevisível para o atacante como foi aquele passe para o Vizeu contra o Fluminense.

    Não vi nada de diferente nesse time do Independiente. O resultado é tranquilamente reversível, mas o Flamengo precisa melhorar o desempenho e corrigir muita coisa.

    • Damon

      Todo time bem taticamente postado joga com as duas linhas próximas justamente para tirar os espaços dos adversários.

      • lucasrf8

        Na verdade quis dizer que as duas linhas jogam muito recuadas. As vezes nossa segunda linha está no limite da grande área.
        O grande problema é que no meio só o Cuéllar marca e os laterais não funcionam tão bem defensivamente.

        • Damon

          Pode ser preferência do Rueda de jogar com as duas linhas baixas pra atrair o adversário é depois sair nos contra ataques. O problema é que com Diego e ER no time , não temos poder de marcação e nem velocidade pra contra atacar.

          • lucasrf8

            Exatamente. O problema que não existe velocidade para puxar contra ataque.
            O Diego ao meu ver precisa pelo menos fazer número no meio quando o time estiver defendendo. Vejo o Éverton Ribeiro totalmente sem fôlego para chegar ao ataque quando ele vem acompanhar lateral.

          • Fabiano Medeiros

            O cara quer sair no contra ataque e coloca 3 jogadores lentos no ataque? vai entender

          • Cleberton Ferreira

            Fato.sao lentos na saida de bola.

  • Paulo Vinícius Siviero

    Cesar de novo foi um goleiro seguro, mas, coitado: Nos 2 gols ele não teve nenhuma chance de defesa. Impressionante que foram chutes fortes rentes a trave.

    Que alívio saber que ele vai estar bem pro jogo da volta, pois vamos precisar não levar gols e ainda fazer 2.

  • Wesley

    O nosso mengo tem que mudar é o treinador. Não existe o que ele sempre faz, nunca coloca o Vinicius Junior pra jogar, só coloca o menino no refugo quando tem que correr atrás do resultado, além de tudo alguns jogadores mau, o Trauco e outros, o treinador deveria fechar o lado dele ou substituir e colocava o Everton na lateral que ele tanto apoia bem quanto defende bem e tem velocidade e muita garra.
    Mas todo jogo do Flamengo fora de casa e alguns em casa esse treinador faz essas presepadas.
    Não estou gostando da forma do time jogar, dificilmente sai de um jogo sem tomar gol, sempre tem que tomar gol. E ainda sem contar que ele fica na beira do gramado com as mãos no bolso ou nas costa e não fala nada com o time, treinador de responsa tem que jogar junto com o time, gritando, incentivando, dando dura, mas esse ai não tem jeito.
    Treinador pro nosso time tem que ser inteligente, saber colocar o time a forma táctica e também saber substituir na hora certa e principalmente ter PULSO FORTE com certos medalhões que tem no time.
    Um Abel Braga, um Renato Gaúcho que são inteligentes e tem pulso firme.

  • Rodrigo – Depto. de TI

    Não temos laterais, e o ER7 ainda não estreiou, dai complica. Vizeu é caneludo que vez ou outra acerta o gol.

  • Carlos Felipe Galvão

    Meu time pra quarta.

    ———————–Cesar
    Rodinei —– Réver —– Juan — Pará
    —————Cuellar — Everton( Mancuello )
    ———————Diego
    —–Geuvânio —-Vizeu—-Paquetá

    Segundo tempo, VJ, Lincoln e E.R