Joia rubro-negra é patrocinada pela Nike e recebe estrutura de grande estrela

Yuri César tem apenas 17 anos. Dentro de campo, é uma das joias que o Flamengo está lapidando para se tornar um grande craque do futebol brasileiro e internacional. Meia, veste na base a lendária camisa 10 de Zico. No Campeonato Carioca da categoria, já marcou 14 gols. Até aí, tudo normal para um garoto desta idade.

Contudo, fora de campo, o adolescente tem uma estrutura de “gente grande”. Ele é patrocinado pela Nike, tem a carreira agenciada pela LifePro (a mesma responsável pelos passos de Marcelo, do Real Madrid-ESP), tem assessor de imprensa, professor de inglês e um contrato profissional. Tudo isso para que consiga realizar o sonho de se tornar profissional no clube do coração.

“É bom ter um suporte assim, e eu me dou muito bem com todos.  Isso é o mais importante. Sempre será um peso enorme estar vestindo a 10 de um clube grande, mas me sinto honrado e sempre farei por onde de ter essa responsabilidade”, disse o jogador, ao ESPN.com.br.

Natural de Volta Redonda, na região do Vale do Paraíba, Yuri chegou ao Mais Querido aos 9 anos, quando integrou um time da cidade que foi enfrentar o rubro-negro.

“Me destaquei fazendo quatro gols nessa partida que vencemos por 6 a 4. Fui escolhido pra fazer um teste. Fui aprovado e fiquei no Flamengo. Foi uma das melhores sensações da minha vida vestir a camisa de um clube tão grande”, relatou.

Como todo garoto, o camisa 10 tem seus ídolos de infância. Apesar de flamenguista, gosta mesmo é de um meia que foi revelado no grande rival: Philipe Coutinho.

“Eu acho meu futebol parecido com o dele por jogarmos na mesma posição. Eu procuro sempre assistir jogos e vídeos do Coutinho”, contou.

Na trajetória pela base do clube, teve contato com Vinicius Júnior, negociado com o Real Madrid e que está buscando espaço no profissional.

Todos nós reconhecíamos o talento que ele tinha e sempre foi diferente. Uma vez nós ganhamos do Vasco por 4 a 0 no primeiro jogo da final da Taça Rio. Mesmo em São Januário, ele deu uma ‘lambreta’ no adversário. Ah, e eu também fiz um gol de cobertura nesse jogo (risos)”, recordou.


Veja mais:


Por fim, Yuri projeta um futuro de glórias no esporte e com o manto sagrado.

“Tenho sonho de jogar no profissional do Flamengo e ganhar títulos com o clube. Quero também ser campeão com a seleção brasileira e me tornar um ídolo como Messi, Cristiano e Neymar”, finalizar.

51 Comentários
Carregando comentários...