Como é o trabalho de um CEO no futebol? Fred Luz explica

Fred Luz foi alçado à condição de CEO do Flamengo. Mas, o que quer dizer isso? O termo provém da língua inglesa Chief Executive Officer (Diretor Executivo, em português). A definição, criada para o mundo dos negócios, das grandes empresas, chegou ao futebol. No Flamengo, não é diferente. Um dos lemas da gestão Eduardo Bandeira de Mello, iniciada em 2013, é a profissionalização do clube, transformando a marca em um grande negócio. Por isso, Fred Luz foi alçado a este cargo. Formado em engenharia, tem a experiência de ter trabalhado em grandes empresas.

Mas, o que de fato um CEO faz em um clube de futebol? Fred explica

“A minha responsabilidade é na execução. A decisão está nos vice-presidentes e no presidente do clube. Eles decidem pelo clube. Eu sou o líder do grupo executivo. A administração geral, que é o meu papel, é como o chinesinho dos pratinhos. O pratinho que está prestes a cair, você tem que pegar a varinha e rodar. Qual pratinho do Flamengo está caindo hoje? O futebol hoje demanda mais atenção, mas o meu papel no futebol é muito mais da estruturação. O Flamengo está fazendo movimentos no futebol ligados à infraestrutura no futebol que ninguém vai ver e que não têm que ser ponto de atenção da torcida”, explicou, em entrevista ao repórter Fred Gomes do globoesporte.com.

Para que o futebol e as outras áreas do clube consigam o desenvolvimento esperado, é preciso que cada funcionário realize seu trabalho com perfeição. Por isso, o Flamengo adota o sistema de metas, muito utilizado no mundo empresarial.


Veja mais:


“Passamos a ter uma série de rotinas que avaliam a qualidade das decisões técnicas, eu nem participo dessas reuniões. Mas tem um método de cobrança. Todo mundo tem metas, tem que explicar os desvios e o que vai fazer para melhorar. Temos cultura de estar muito mais preocupados em não procurar culpados, mas sim em melhorar”, finalizou.

7 Comentários
Carregando comentários...