Coluna do Torcedor: “A hora da virada”

Olá caros rubro-negros.

Não estou aqui para lamentar mais uma derrota. Nem para procurar culpados, xingar ou ofender ninguém.

Estou aqui para fazer uma simples e direta pergunta: “Cadê a essência vencedora do Flamengo??”

Todos os dias, pela manhã, eu e meu pai temos uma longa conversa no quintal de casa sobre o Flamengo, seja depois de um jogo ou para contar histórias. Aliás, por causa dele, eu tenho o DNA de um verdadeiro rubro-negro: que pula, grita, xinga, esbraveja…mas sempre está ao lado do time.

As atuações do Flamengo são o termômetro do meu dia: se ganha, tô bem, obrigado; se perde, sou o cara mais mal-humorado do mundo.

Mas ultimamente não vejo aquela mística vencedora incorporada nos jogadores do atual elenco do clube. O que deixa-me bastante decepcionado é a morosidade, a conformidade com a derrota. Eu não fui criado assim. Eu não aceito isso!!!!

O meu pai sempre gabou-se de minha devoção ao Flamengo com os seus amigos: “Tá vendo lá?? Meu filho sabe tudo de Flamengo!!!” “Ele acompanha, torce de verdade, vocês não sabem nada”… Coisas de pai…

Mas, com o tempo, percebi que sou assim, e não mudaria por nada nesse mundo.

Sou mais um nesse mar de 40 milhões de apaixonados, que sentem uma derrota como se fosse uma tragédia.

Mas temos de virar o jogo. Juntos. E não é agredindo jogador, ofendendo em redes sociais, pois não resolve os problemas. Só serve para desabafar, extravasar o nervosismo, a insatisfação.


Veja mais:


E que essa atual gestão faça uma real integração de TODOS OS TORCEDORES. Não somente para sócio torcedores que grudam a cara nos seus celulares e não acompanham o time como deveria. O povão também torce pro Mengão, sabia diretoria????

Reação. É o que precisamos para virar o jogo e seguir, juntos, rumo as glórias. Chega de morosidade. Quero a essência vencedora do Flamengo de volta!!!!

Abraços

Jefferson Lemos


Quer ver sua coluna aqui no site? Envie para o e-mail redacao@colunadoflamengo.com que avaliaremos ela


O conteúdo dessa “Coluna do Torcedor” pode não coincidir com o pensamento do Coluna do Flamengo. A responsabilidade é do autor.

9 Comentários
Carregando comentários...