Terreno na mira do Mengão foi a leilão avaliado em R$ 157 milhões

O Flamengo, por meio de suas redes socais, noticiou na última quarta-feira (06) que tem um acordo com opção de compra de um terreno para a construção de estádio na Avenida Brasil, na altura de Manguinhos.

Segundo apurou o Globoesporte.com, a área foi colocada a leilão no dia 31 de maio deste ano, com preço avaliado em R$ 157 milhões, mas não teve interessados e não há outra previsão de leilão.

A área pertence ao Grupo Peixoto de Castro, companhia fundada em 1929 e que pediu recuperação judicial em 2013 para vender bens e pagar credores.

As condições são o objeto de estudo da diretoria do Flamengo, que tem prazo de 120 dias para confirmar a compra. No período, os diversos agentes envolvidos no processo estudam o terreno e série de outras questões, como as ambientais (já que o espaço fica ao lado de uma refinaria e sediava a GPC Química, que produzia resinas termofixas e metanol e foi desativada em 2013 no início da decadência econômica do grupo empresarial) — informações do Globoesporte.com—.

36 Comentários
Carregando comentários...