Home Notícias Reencontro após a tragédia: Rueda e Berrío, enfim, enfrentam a Chape pela...

Reencontro após a tragédia: Rueda e Berrío, enfim, enfrentam a Chape pela Sul-Americana

273
1
SHARE

A noite desta quarta-feira marcará um reencontro especial na Arena Condá. Após pouco menos de um ano, Rueda e Berrío vão enfrentar a Chapecoense, pela Sul-Americana. Os dois times iriam se enfrentar na final da mesma competição em novembro do ano passado, mas a queda do avião da equipe brasileira impediu.

Após a tragédia, o treinador colombiano foi um dos responsáveis pelo gesto de entregar o título da competição à Chapecoense. O gesto, em conjunto com os jogadores do Atlético Nacional, entre eles Berrío, foi tão nobre que rendeu o prêmio Fair Play da Fifa ao clube.

Foi um acontecimento que marcou a todos nós. Vir a Chapeco terá sempre essa recordação de algo que não queria viver. Pelo Atlético Nacional, tínhamos viajado umas seis vezes com essa mesma tripulação, neste mesmo avião. Foi um golpe muito duro. Vinha acompanhando todo crescimento da Chape e nos afetou não somente como equipe, mas nas horas seguintes de treinamento – lembra Reinaldo Rueda.

Resultado de imagem para homenagem chape colombia sul americana

Na data em que seria disputada a partida entre Atlético Nacional e Chape, milhares de pessoas foram ao estádio da final para homenagear as vítimas do acidente. Lá, o técnico Rueda fez um dos discursos mais emocionantes da noite.

“Sempre vão permanecer nos nossos corações. O Félix, o Carlos Alberto, o Wilson Piazza, o Clodoaldo, o Everaldo, o Gerson, o Falcão, o Pelé, o Rivellino, o Jairzinho… essa Chapecoense de Danielo, de Gimenez, de Diego, de Neto, de Dener, de Biteco, de Ananias, de Bruno, de Kempes, de Thiaguinho, vão ficar para sempre nas nossas recordações.

Já estávamos o observando há vários meses, olhando, seguindo há várias semanas e vão ficar sempre nos nossos corações também. Um abraço fraterno, um abraço de condolência, de solidariedade para todas as famílias que vão ter que receber a benção de Deus. Que tenham a resignação, a fortaleza, a paz espiritual de suportar este momento e esta partida.

Eles se adiantaram, mas é a lei da vida. Todos vamos seguir esse caminho. A gente nunca quer que um ser humano se vá como foram. Acredito que os latino-americanos e o mundo inteiro estão de luto. Vamos sentir saudades. Fica um vazio muito grande no nosso futebol. ”

Um abraço grande.”

As duas equipes se enfrentaram nesta temporada pela Recopa, com o time colombiano se saindo melhor e erguendo a taça. Agora, pelo Flamengo, terão a oportunidade de se enfrentar pela Sul-Americana. A bola rola às 19:15, em Chapecó.

 

Comentarios

comentário

  • Luiz Cardoso

    Parabéns Rueda