Pagando para ver

Para poupar os titulares para a final de quarta-feira, o Flamengo entrou com um time reserva contra o Avaí. Rueda pagou para ver o um time com Rafael Vaz, Márcio Araújo e Gabriel, o resultado foi empate com um show de horrores.

A torcida já conhece bem as proezas de nosso “protegidos”, mas Rueda ainda não parece conhecer ou ainda não consegue acreditar na inutilidade desses jogadores, que a cada tentativa conseguem fazer pior, se credenciando cada vez mais para estarem na já comentada barca de saída do time, mesmo faltando 3 meses para o fim do ano, o quanto antes o técnico perceber e não insistir nisso, será melhor para o time.

Foto: Gilvan de Souza

De certo que diante uma final de Copa do Brasil é compreensível a utilização de um time reserva conta um time tecnicamente inferior, porém um time com bom aproveitamento no segundo turno do campeonato, e mesmo sendo um time tecnicamente inferior, não conseguimos vencer este ano.

Até a própria classificação direta para a Libertadores pode estar ameaçada. Com esse empate, nem entre os quatro primeiros estamos. Apostar todas as fichas na final da Copa da Brasil ou pela Sul-americana seria um risco desnecessário.

Matheus Gonzaga

78 Comentários
Carregando comentários...