Home Colunas Festa na favela!

Festa na favela!

210
6
SHARE

Salve, Salve Nação Mais Linda do Mundo!

Hoje tem missa! Hoje tem Maraca! Hoje tem Mengão! É festa na favela! Isso, meus amigos leitores, é Flamengo! Não há palavras para descrever nosso amor por este time, por este clube. O Flamengo não se escolhe. TODOS nascem Flamengo, alguns desvirtuam. Simples assim!

A partir do raiar do dia (raiar mesmo – essa coluna está sendo escrita às 4 da matina rsrs) o Rio de Janeiro vestirá rubro-negro. Sim, o Rio será a pátria Flamenga de todo brasileiro que torce pelo Mais Querido. A horda inflamada sairá de todos os cantos da cidade maravilhosa para a reunião de regozijo e glória que almejamos desfrutar ao findar o dia.

Esperamos que nossos jogadores também estejam sentindo esse frio na barriga, que eles também tenham tido alguma dificuldade pra pegar no sono na noite anterior, devido à importância da partida que nos aguarda mais tarde no, outrora, maior estádio do mundo. A magnética está contando as horas, os minutos, os segundos para soltar o grito.

Desde o começo desta manhã de sete de setembro poderemos ver o Carioca misturar o negro encarnado ao verde amarelo das bandeiras brasileiras. O estandarte Flamengo será desfraldado com muito amor e orgulho pela Nação apaixonada pelo Maior do Brasil, a entidade mais apaixonante de todas dentre o antigo esporte bretão.

Nós, rubro-negros, estamos festejando desde já. Muito devido à paz plantada entre os dois clubes, flamenguistas e cruzeirenses farão uma bela festa neste 180 minutos de uma final que entrará para a história da Copa do Brasil. Sete títulos deste torneio entram em campo hoje e o que almejamos, ao final das duas partidas, é levantar o tetra e igualar a Raposa em número de Copas do Brasil. Torçamos pra que isso se concretize!

A favela. Ah, a favela! Como diria nosso querido confrade colunista Claudio Sampaio: “Sou mulambo, com muito orgulho”! Somos mulambos, somos favela! Desde os mais milionários aos mais pobres, os flamenguistas somam-se e multiplicam-se. Somos um trem descontrolado em emoção e apoio irrestrito a nossos atletas.

Neste ínterim, vou usar da prerrogativa de colunista e pedir, encarecidamente, que TODOS NÓS apoiemos o time INCONDICIONALMENTE!!! Não importa a escalação (me refiro exclusivamente a nosso goleiro, Alex Santana). Nada de vaias! Muito menos protestos! Negatividade não cabe na noite de hoje. Não temos esse direito, pelo menos neste momento.

O que pretendemos ver esta noite no Maraca é aquela Magnética que já conhecemos: absurdamente focada no apoio total ao Flamengo. Vamos utilizar nosso mando de campo para abrirmos vantagem numérica de gols e, precipuamente, psicológica no adversário, prometendo uma invasão flamenguista a BH no jogo de volta.

Dito isso, cantemos, apoiemos, vibremos e festejemos esse momento mágico que é disputar mais uma vez uma final de um torneio tão importante no cenário nacional. Que todos os rubro-negros possam torcer, de qualquer lugar que estejam, dentro ou fora do Brasil, no Maracanã ou no sofá da casa, nos bares ou na casa de amigos. Não importa.

Nossos jogadores sentirão o apoio. Eles perceberão que u’a mão enigmática estará os ajudando nos momentos mais difíceis, quando precisem dar aqueles 10% a mais de gás na partida. A Magnética sempre fez e continuará fazendo a diferença ad eternum! Somos o décimo-segundo jogador do Flamengo. Isso é imutável, irrefutável e condição sine qua non. Ponto pacífico!

Que nossos jogadores sejam iluminados e guiados por Deus, por São Judas Tadeu, possam e queiram dar além de seu máximo nessa decisão que se inicia hoje porque, com toda a certeza do mundo nós, torcedores, apoiaremos muito! Vamos cantar do início ao fim da partida. Vibrar com cada jogada e levar o time nas costas para que eles sintam-se abraçados, calçados, e possam desdobrarem-se em campo para garantir uma vantagem mínima para o jogo da volta.


Veja mais:


Aguardemos o passar das horas. O dia será longo para os rubro-negros, principalmente para aqueles que irão ao estádio. Que possamos colher os louros da vitória ao final da noite de hoje, mas se ela não vier tudo bem, sem desespero, pois ainda teremos mais noventa minutos para tentá-la! O importante é que tudo corra bem dentro e fora de campo, com muita paz e harmonia. Ganhar ou perder faz parte do jogo.

O que não pode e nem deve faltar é entrega, raça, amor, paixão, dedicação e, principalmente, cabeça fria por parte de todos: diretoria, departamento de futebol, atletas e torcida. Tenho a certeza absoluta de que tudo isso não faltará. Vamos com tudo, Mengão! Vamos pra dentro dos caras, pois nosso primeiro hino oficial já bradava nos idos de 1920: Flamengo, Flamengo, Tua glória é lutar! Vai pra cima deles Mengo!!!

O Flamengo simplesmente é!!!
Saudações Rubro-Negras a todos!

Fabio Monken
Twitter: @fabio_monken

Sugestões? Críticas? Elogios?
Deixe seu comentário e faça-o com educação e respeito.
O Debate SEMPRE é salutar, mas a ignorância e a falta de educação são os combustíveis dos fracassados!

Comentarios

comentário

  • Vamos Flamengooooo

    A verdadeira festa tem que ser no campo de jogo com pelo menos uma goleada de 4×0. Festa antes de jogos não combina muito com o nosso clube. Sem oba oba galera, vamos para a Guerra de 180 minutos. SRN

    • Will Van de Will

      Kkk seria um sonho 4X0 mas não vai ser isso não lol

    • kingDavid

      Concordo, sem oba-oba, sem já ganhou, mas com confiança porque Isso aqui é Flamengo.

  • Lucas

    Falando em festa, alguém sabe do mosaico ? Porque vai ter. Espero que caprichem porque das últimas vezes, sinceramente, decepcionou.

    • Ernani Passos

      Queria ver bandeiras, instrumentos musicais, chuva de papel picado, apitos na arquibancada, isso sim é festa!!
      Mosaico é legal, mas elitista demais!!!

  • Alessandro Macaiba

    Bom dia nação. Linda .uma Naçao um amor. Um so flamengo. Sem palavra