Um longo caminho…

Salve, Salve, Nação Mais Linda do Mundo!

O tempo vai passando, o campeonato correndo e o Flamengo continua apresentando um futebol sofrível, pífio, anos-luz abaixo do que deveria apresentar à sua apaixonada torcida. Ontem protagonizamos mais um fiasco pelo Brasileirão 2017! Desorganizados taticamente, com linhas dispersas, sem aglutinação defensiva e continuando a ceder espaços para as infiltrações dos adversários.

O ataque é aquele mesmo, sem inspiração e com pouca ou nenhuma jogada trabalhada. E dá-lhe balãozinho pra área adversária! Estamos virando o melhor fisioterapeuta da série A: reabilitamos qualquer time! Eu vislumbro, inclusive, um reclame nos jornais dizendo assim: “C.R. Flamengo: Reabilitamos você em um jogo, ou devolvemos o seu dinheiro.” Estamos fazendo tudo errado, galera!

Outro erro que será fatal é a manutenção dessa comissão técnica permanente. Eu até achava que ela ajudaria na adaptação de Reinaldo Rueda, mas vejo que ela confundirá ainda mais o novo treinador, passando impressões descabidas e enaltecendo a incompetência dos protegidos. Mantê-la será como dar um tiro no pé. Ontem tive clara noção do quão nociva essa comissão se apresenta e fiquei preocupadíssimo com o futuro do Flamengo caso ela não seja dispensada.

Não esperava mesmo nada do Jayme, pois ele não mostrou competência suficiente na outra passagem pelo Mengão. E nem me venham falar do jogo contra o Palestino, porque se montássemos um time de pelada da nossa rua, fatalmente ganharíamos dos chilenos. Quem ganhou aquele jogo foram os jogadores. Simples assim. Jaime continua realizando o trabalho pobre e infrutífero do antigo treinador (será que o ZR não o ouvia demais?), que não mostrava nenhum sinal de recuperação.

Uma coisa fica muito clara após o revés de ontem, Rueda terá que ser brilhante para recuperar esse time. Elenco de moral abalado, cabeça baixa, emocionalmente desestabilizado, tecnicamente mal, taticamente inexistente. Devo dizer que o jogo de ontem me deu a impressão de ter sido um dos piores que o Flamengo fez esse ano. Foi dominado completamente por um time decadente e não esboçou reação para que tivéssemos ao menos um fio de esperança de que o resultado positivo fosse possível.

Está parecendo que os jogadores já entregaram os pontos. Isso é inadmissível! Inconcebível! Injustificável! Não podemos admitir tanta passividade. Falta vibração, energia, foco, concentração. Falta sermos mais Flamengo. Falta sangue, raça. Falta vendermos mais caros as derrotas. Falta, principalmente, deixar de aceitar as derrotas como as temos aceitado, com passividade e como se fosse uma coisa normal. Não é! Nunca será! Isso aqui é Flamengo, caramba!!! Alguém avise a esses caras!

Nestes tempos de futebol gourmet, nutellizado, onde os torcedores vão aos estádios com camisas oficiais e tênis mais caros que o salário-mínimo vigente, em carros importados, comer croissant e tomar capuccino, a essência do futebol vai se perdendo, ela já está definhando. Espero que nosso novo técnico consiga dar um padrão tático à essa equipe, que ele extraia o melhor desse elenco recheado. Ainda tenho esperança de que isso aconteça.

Como diz o famoso palhaço deputado: “Pior do que tá, não fica!”. Sinto dizer que fica. A nossa política, em Brasília, é um exemplo disso. Aguardo ansiosamente o começo do trabalho de Reinaldo Rueda no Mengão. Para que ele varra a incompetência de uma vez por todas, que ele perceba de imediato a inépcia dessa comissão permanente e peça sua demissão sumária o quanto antes.

Em outra coluna, após a demissão de ZR, disse que aquele era apenas o começo do caminho. Muitos passos ainda deverão ser dados para que tenhamos um time realmente forte. A demissão de todos os integrantes da comissão permanente é um deles. E é pra ontem! Devemos nos livrar da incompetência, em todos os graus e setores, para que o colombiano possa entrar num ambiente propício a reformas, onde não haja ranços ou metodologias enraizadas. Tudo deve ser mudado.

Rueda não é bobo, ontem ele deve ter tido a noção exata de quão grandioso apresenta-se seu desafio, tendo a obrigação de reabilitar uma equipe sem alma, entregue ao acaso. Mas seu alento é olhar para os nomes do elenco e ter a segurança de estar trabalhando com um dos 3 melhores plantéis do país. Seu trabalho será montar um esquema encaixando as melhores peças disponíveis nos lugares em que rendam próximo de seu ápice para que tenhamos um time sólido defensiva e ofensivamente.

Devemos aguardar o porvir. Mas havemos de ter calma. Um período de adaptação será necessário. É peremptório ter paciência com nosso novo comandante e dar-lhe suporte para que desempenhe seu trabalho da melhor forma, afim de retomarmos o caminho das glórias do clube Mais Querido do Brasil. Esperemos! E oremos! Vai pra cima deles Mengo!!!

O Flamengo Simplesmente é!
Saudações Rubro-Negras a todos!!!

Fabio Monken

Gostou? Ótimo! Não gostou? Ótimo também!
Ninguém é o dono da verdade! Isso é fato!
Venha debater conosco suas idéias, mas faça-o educadamente, pois a falta de respeito e de educação são os combustíveis dos fracassados e de parca argumentação!
Sigam-me no twitter – O microblog é perfeito para a troca de ideias.

7 Comentários
Carregando comentários...
Criação de sites e aplicativos para celular