Home Notícias Preparador explica técnica da F-1 que ajuda Diego Alves a pegar pênalti

Preparador explica técnica da F-1 que ajuda Diego Alves a pegar pênalti

1770
14
SHARE

Uma dos métodos utilizados por Diego Alves para ter bom desempenho nos pênaltis é o treino de velocidade de reação desenvolvido pelo preparador Leandro Lourenço. O profissional utiliza um laser sobre superfície inspirado nos testes de pilotos de Fórmula-1.

Eu não abro mão do treinamento básico. Porém o laser é opção a mais de treino de velocidade. O goleiro visualiza e reage. Na sequência coloco bola, para fazer movimentos de jogo e tomar a decisão o mais rápido possível.

A tecnologia custa em torno de R$ 20 mil e foi adaptada inicialmente com lanternas e agora laser. O preparador foi sondado pelo São Paulo e diz que o período de treinos pode acontecer em período diferente dos clubes.

Eles me contratam para fazer um trabalho extra, um treinamento à parte. Não é por temporada, pode durar duas semanas, ou nas férias, ou como foi o caso desses atletas, me convidam para fazer um treinamento extra mesmo em atividade no clube. Na Europa treina muito em um período só — disse.

Leandro Lourenço não vai para o Flamengo com Diego Alves, apesar das críticas ao preparador do Flamengo, Vitor Hugo. Na coletiva de apresentação de Diego Alves, o diretor de futebol, Rodrigo Caetano defendeu Vitor Hugo e negou mudanças na comissão técnica.

É o mesmo profissional que fez o Alex chegar à seleção. Se quando tem êxito a responsabilidade é compartilhada, quando não vai bem é igual. Se um dia entendermos que ele não entrega o que a gente deseja, avaliaremos, mas não é o caso, está longe.

Após o fim da temporada européia, Diego Alves manteve os treinos físicos com o preparador Leandro Lourenço e está quase pronto para estreia. Agora o goleiro precisa ser regularizado e a documentação não chegará a tempo para o jogo contra o Palmeiras. Diego Alves só deve ter condição de jogo no sábado, contra o Coritiba, mas é mais provável que a  estreia seja no jogo contra o Corinthians, dia 30 de julho.

Comentarios

comentário