Home Colunas O tetra é logo alí!

O tetra é logo alí!

1412
36
SHARE

Hoje olhamos a tabela do Brasileirão e enxergamos uma distância considerável para o líder do campeonato, 12 pontos; sentimos a agonia que beira a vontade de esganar alguém, vimos gradativamente na competição, grandes partes da possibilidade de título brasileiro escorrer entre os dedos de nossas mãos.

Não quero ser mal interpretado, acredito firmemente que 16 rodadas não são suficientes para sacramentar o final que uma equipe terá, nessa altura é tudo previsão; a meu ver, nem o Atlético Goianiense está rebaixado (ainda), 12 pontos não nos impedem de sermos campeões, todavia sempre há um “mas”.

Entremos numa semana decisiva, possibilidades eminentes de classificação na Copa do Brasil, o maior campeonato raiz que você respeita, como dizem os mais jovens e antenados, mais um dentre um punhado de divisores de água que o ano de 2017 separou para o Mais Querido; estamos caminhando para duas situações completamente opostas, ou uma eliminação ímpar, nos mesmos moldes de Atlético Mineiro em 2014 ou semifinalista, real postulante a um título de expressão, o tetracampeonato, quatro jogos de um título.

Copa do Brasil com um formato mais diluído, praticamente um jogo por mês, possibilitando que não desistamos do Brasileirão para que o foco seja na Copa do Brasil e até a Sul-Americana (onde somos com folgas o elenco mais qualificado), enquanto no próximo domingo, podemos de fato ver 12 pontos se tornarem 9, mas também corremos um risco enorme de ver 15 pontos serem estabelecidos; o que preferimos então? Não em questão apenas de campeonato brasileiro, mas englobando todos os torneios ainda remanescentes, o que almejamos?

Uma das maiores cobranças que faço ao Clube em tempos é a postura, temos que adotar uma postura correta, coerente; o atual técnico do Grêmio, Renato Gaúcho, deu uma declaração interessante recentemente:

Quem muito quer, nada tem. Daqui a pouco você insiste em colocar a mesma equipe em todas as competições e vai perder vários jogadores importantes e de repente vai se dar conta de que fez o planejamento errado.

Focando um pouco mais em “Quem muito quer, nada tem”, não podemos aderir à mesma postura de 2016, o velho “cheirinho”; não pode existir o pensamento de “somos o Flamengo, somos gigantes, temos Diego, Guerrero, Everton Ribeiro, Diego Alves… Não importa o quanto o Corinthians esteja na frente, a gente vai ser campeão mesmo assim”; se essa for a postura, temos uma gigantesca probabilidade de terminar o ano com mais duas eliminações debaixo do braço e comemorando mais uma vaguinha, “Libertadores qualquer dia tamo aí”, quero um 2017 diferente, não um 2016… parte 2.

Nick Marques

Siga também no Twitter: @TheNickMarques

Comentarios

comentário

  • PlayerLEL

    já que no br estamos indo “tão mal”
    tem que dar sangue nas copa do brasil e sulamericana
    ganhar títulos, aumentar ainda mais a história, render grana e patrocínio
    pra que ano que vem continuarmos brigando no topo

    • Wanderson Viana

      Verdade tem que ganhar mesmo e a copa Sul Americana e a CB temos toda a possibilidade de ganharmos.

  • kingDavid

    Deixou chegar…

  • Iago Santos

    Se fosse o Botafogo, Corinthians, Fluminense,tudo bem.
    Não é questão de ser Flamengo, além disso temos ELENCO Pra disputar tudo.
    Brasileiro não acabou, Jadson já tá lesionado, se Rodriguinho e Jô se machucarem Corinthians vai pro espaço.
    O que tem que mudar é a postura do Flamengo em competições de mata mata pq a última boa apresentação foi em 2013, de lá pra cá só vergonha.

    • Marty Mcfly

      Discordo, em 2014 também fizemos uma boa campanha ficando entre os quatro melhores.

      • Yan Balduino

        Na Copa do Brasil? Como disputamos a Libertadores e fomos eliminados, já entramos nas Oitavas de Final. Enfrentamos Coritiba e passamos nos pênaltis no Maracanã após reverter o 3×0 do Couto Pereira. Depois pegamos o América-RN e vencemos ambos o jogos por 1×0. Aí depois veio a queda contra as Galinhas nas semis. Nao dá pra dizer que foi uma campanha tão boa nem que foi um grande feito ter ficado entre os 4 melhores. Mas que poderíamos muito bem ter passado do Atlético-MG se não fosse a covardia do Vanderlei Luxemburgo.

        • Marty Mcfly

          Mas não foi um vexame cair na semi contra o então atual campeão da Libertadores, 2015 contra os vices (rebaixados no mesmo ano) e 2016 contra o gigante Fortaleza foram vexames.

          • Yan Balduino

            Nisso concordo plenamente. E detalhe que teve quem achou que o ano de 2016 foi bom. Fomos eliminados vergonhosamente para o Vasco no Carioca; sofremos três vexames de uma vez só na Copa do Brasil: perdemos para o poderoso Confiança de Sergipe, time de 3ª divisão que eu nunca tinha ouvido falar, perdemos vergonhosamente para o poderoso Fortaleza tanto em casa como fora e conseguimos fazer a pior campanha de nossa história na competição, sendo eliminados na 2ª fase; perdemos em casa para o até então desconhecido Palestino na Sul-americana e fomos eliminados; criamos uma expectativa enorme no Brasileiro para terminar o campeonato a 9 pontos do Palmeiras e em 3º colocado (o Santos foi mero figurante o campeonato inteiro e terminou na nossa frente).

          • Marty Mcfly

            O Ano de 2016 também passou em branco (com vexames) com uma vaga pra Libertadores pra jogar uma fase apenas.

          • Igor L.A

            Claro que foi, da maneira como aconteceu o jogo foi vergonhoso sim (em um determinado momento, o galo precisava de 4 gols pra se classificar), fla n passava da intermediária, acuado, jogadores com medo.

          • Marty Mcfly

            Como eu já disse, a gente tava jogando contra o atual campeão da Libertadores no Mineirão lotado e eles já tinham feito essa virada de 4×1 contra os gambas.

        • Igor L.A

          Flamengo 3 x 0 Coritiba foi um assalto no coxa

    • Nick Marques

      “temos bom elenco” é uma frase que só é dito quando acontece vexame… eliminado da libertadores… temos bom elenco
      12 pontos atrás… temos elenco

  • Marty Mcfly

    “Quem muito quer, nada tem. Daqui a pouco você insiste em colocar a mesma equipe em todas as competições e vai perder vários jogadores importantes e de repente vai se dar conta de que fez o planejamento errado”

    Foi isso que aconteceu no começo do ano quando o Flamengo deu a mesma (ou maior) importância pro Carioca e isso prejudicou o time na Libertadores.

    • FILIPE DA ROCHA MOTTA

      ‘Vamos utilizar a base em 2017’

      Ze Ruela

      • Dieki

        O que vc pensa por usar a base? Colocar o guerrero e diego no banco pra dar vaga pro Vizeu e Paquetá? Ou apenas usar o Ronaldo e Léo Duarte pq vc odeia o Vaz e o MA? Lembra que o Vaz tá ai pq todos os outros estão indisponiveis, exceto o Juan, que não joga junto do Réver.

        • Igor L.A

          Mas então… ele vem utilizando a base como falou ? Inacreditável preferir o Damião ao Vizeu (não que o Vizeu seja um fora de série , longe disso). Léo Duarte, Ronaldo e Paquetá praticamente não tiveram chances e quando jogaram não foram mal, poderiam ser mt mais utilizados sim (E ninguém ta falando em titularidade pra eles aqui, apenas minutos para serem desenvolvidos) ou, ao menos, emprestados…

      • joão dias

        Vinícius, vizeu e léo duarte são de onde?

    • Yan Balduino

      Diria que aconteceu o contrário no ano passado quando desprezamos a Sul-americana (passando vexame inclusive) para morrer na praia no Brasileiro.

      • Marty Mcfly

        O que eu acho mais engraçado em relação aquele vexame é uma pequena curiosidade:

        Sem tivéssemos passado pelo Palestino naquela ocasião enfrentaríamos justamente o time que seria nosso carrasco na Libertadores no ano seguinte, se a gente já tivesse jogado contra o San Lourenzo no Nuevo Gasometro já saberíamos como jogar contra eles lá.

        • Yan Balduino

          Ótima observação. E não seria nenhum vexame se fôssemos caíssemos num mata-mata diante deles.

    • Giovane Rodes

      o que prejudicou o time na libertadores foi a anta do Zé treineiro ter inventado Gabriel de armador do time no ultimo jogo na argentina e não ter nem levado o mancuello e fora que ele ainda tinha o cuella no banco. Na pior das hipóteses ele poderia ter ido com o esquema de tres volantes com cuella no lugar do Romulo que não estava bem. Mais ele preferiu a porcaria do Gabriel.

      • Marty Mcfly

        Claro que a burrice do Zé Ruela atrapalhou, mas colocar os titulares pra jogar o carioca (dando a mesma importância pro carioca) também prejudicou e o time titular sofreu com lesões.

        • Giovane Rodes

          Concordo plenamente. Para mim o carioca tinha que ser só com a garotada da base e colocar o time principal somente nos clássicos ou um jogo ou outro para entrosar,

          • Marty Mcfly

            Por isso acho que o que o Renato falou sobre “planejamento mau feito” tem muita semelhança com o que acontaceu com a gente no primeiro semestre.

  • Fla 2018

    Legal o texto, mas ganhar o Brasileiro, a Sulamericana, a Copa do Brasil e a Primeira Liga é obrigação com o elenco que o Zé Ricardo têm em mãos.

  • Wanderson Viana

    Saudades do Obina.. Kk

  • Lucas

    Acredito que faremos uma final com o grêmio. Nossa chave é muito fácil! Acho que passa sim. Ser campeão, já são outros 500.

    • Igor L.A

      Mesmo com a chave mais fácil, pode ter certeza que tanto contra o Santos na quarta e, se passar, contra o galo ou bota, serão confrontos duríssimos, mt díficil ver o flamengo passando fácil de alguém, vai ser mt sofrido do jeito que estamos jogando para chegar na final…

      • Lucas

        Certo!

  • Silvio Simões

    AVANTE FLAMENGOOOO, e torcedores do nosso Time , e que os ANTISFLA sumam daqui seus Viados.

  • Rafael Rodolfo

    Brocador podia voltar pra ser reserva do Guerrero

    • Ednei P. de Melo

      Enquanto não resolverem o problema do calote dos árabes… &;-D

  • Giovane Rodes

    Acho quase impossível sermos campeões do BR. mais se ganharmos ou a CB ou Sulamericana ou quem sabe as duas e ainda ficarmos entre os três primeiros, já estaria de bom tamanho.

  • Tarcísio Pimenta

    Belo texto.

  • BVZ (VJ será maior que Pelé)

    Elenco serve pra entrar competitivo nas competições principais, não é todas, mas as principais. Com um bom treinador daria sim. Com esse aí, melhor escolher uma mesmo.