Everton Fundamental Ribeiro parte 2

Queridos irmãos e irmãs que fazem parte dessa magnética Nação bem trajada em duas cores, trago verdades! Ainda que possa parecer precoce, venho hoje, de maneira extraordinária, derramar novamente minhas palavras a respeito de Everton Fundamental Ribeiro.

Dotado de um senso de oportunidade característico de grandes centroavantes ou tuiteiros, aproveito o momento de delírio e deleite de todos nós para relembrá-los daquilo que eu já havia dito, mas que foi convenientemente esquecido por aqueles que só desejam a treta cibernética.

Adiantei, ainda durante o mês de maio, a importância da vinda de Everton Ribeiro. Jogador de quilate, polivalente, refinado e de fino trato com a redonda.

Everton Ribeiro veio, nós vimos e começamos a vencer. Veni, vidi, vici… ou mais ou menos isso, mas em tempos modernos e vermelho e preto.

Como destaquei em minha primeira coluna, Everton Ribeiro não é um ponta. Everton é meia e também atacante, ER7 é, no mínimo, meia-atacante. Veio para que o jogo pudesse fluir pelo lado direito, sem que o corredor seja a pedra fundamental de sua atuação.

Everton Ribeiro mostra com didatismo e precisão a diferença entre um ponta de corredor e um meia que atua deslocado pelo lado direito. A qualidade de passe e a visão profunda de jogo dão a ele a possibilidade de servir os companheiros, desafogando Diego dessa solitária responsabilidade.

A agressividade no drible, associada à sua boa chegada, permitem um volume maior de jogo de nossa parte, fazendo que a área, às vezes despovoada pelos deslocamentos de marcação que Guerrero proporciona tenham boa chegada com ele e nosso 10 que veste a 35.

Everton Ribeiro também faz a “função”, como Zé tanto gosta e que tem sua boa dose de importância no futebol moderno. Conforme conversamos há dois meses atrás, sua sensibilidade tática e sua formação como lateral fazem dele um jogador produtivo e colaborativo na atuação defensiva.

Alguns ainda podem dizer que custou uma fábula, pois sim! Concordo que ele não tenha sido barato, mas são raras as coisas na vida e no futebol que são baratas e excelentes. Quem poupa tem e é preciso gastar dinheiro o suado dinheiro que conquistamos.

Everton Ribeiro, que talvez só vá estar 100% no ano que vem, mostra até agora que valeu cada centavo. Everton Fundamental Ribeiro é necessário, somente o necessário para que possamos voltar a sonhar com dias melhores e títulos do tamanho de nossa camisa e nossos sonhos.

Um bom domingo em vermelho e preto para todos aqueles que, como eu, ostentam o sorriso besta de um torcedor vencedor.

63 Comentários
Carregando comentários...