Coluna do Torcedor: “Vamos pra cima Zé!”

Tenho evitado criticar Zé Ricardo em público no que acho que é seu grande erro. Como isso foi parcialmente resolvido contra o Santos, falo a respeito.

As escalações do Zé primam sempre pelo “defensivismo”.

Quando se tem um meio-campo que sabe jogar e enfiar as bolas, precisamos ter em campo atacantes. E o Zé sempre joga só com um atacante.

Contra o Santos, finalmente jogou com dois, e deu certo. Claro que o Berrío é titular, e, na minha opinião, quando se escala uma porção de meiotas, o time adversário já entra com vantagem psicológica .

Para mim, este nosso elenco é cara de um 4-3-3 clássico, com Márcio Araújo, Éverton Ribeiro e Diego no meio, e Berrío, Guerrero e Vinícius Jr. (Geuvânio) no ataque  .

Claro que o Zé não vai abrir mão do Everton, mas vai ter que abdicar dos dois volantes. Para mim, o Flamengo dos tempos de Arão, Gabriel, Everton e Márcio Araújo chama o adversário demais para cima.

E não podemos deixar de lado a criação do Diego e do Éverton Ribeiro, e nem do Márcio Araújo, incansável na marcação .

Há excesso de bons jogadores, com uma defesa bem melhorada com Réver, Juan e Rhodolfo jogando muito.

Então aí, ousadia total. 3-5-2 , com  Rodinei e Everton de alas, Diego, Márcio Araújo e Éverton Ribeiro; Guerrero e Vinicius Jr.

Muita ousadia?

Zé, quando o time é ofensivo a preocupação muda de lado.

Décio Pereira


Quer ver sua coluna publicada aqui no site? Envie para o e-mail redacao@colunadoflamengo.com 

82 Comentários
Carregando comentários...