Se vier, Éverton Ribeiro não poderá jogar a Copa do Brasil

Não é de hoje que o nome de Éverton Ribeiro é associado ao Flamengo. O meia-atacante, especulado há tempos por essas bandas, nunca esteve tão perto de vestir o manto rubro-negro. Especialmente agora, após a viagem do diretor executivo de futebol, Rodrigo Caetano, para os Emirados Árabes, a fim de concretizar a negociação com o Al-Ahli.

Além da inevitável qualificação do elenco, “elevando o patamar ofensivo”, parafraseando o colunista Marcão Beton, há uma necessidade de resposta rápida à frustrante eliminação da Taça Libertadores na última semana. Torcida e diretoria esperam muito que o Mais Querido vá muito além da pequena conquista do Campeonato Carioca na temporada 2017.

No entanto, se a negociação for realmente concretizada, o jogador não poderá atuar em uma das principais competições do time no ano, a Copa do Brasil. Isso porque a CBF mudou o regulamento para esta temporada. Para participar do torneio, não precisava enviar lista de inscritos à confederação, mas ele precisaria estar inscrito no BID até o dia 24 de abril deste ano, antes mesmo de o Flamengo estrear no campeonato.

Com a premente abertura da janela de transferências, ainda há a expectativa de que os demais clubes façam pressão na entidade para rever esse regulamento. Só assim Éverton Ribeiro poderia jogar pelo Flamengo ainda esse ano na competição. Resta agora aguardar o posicionamento dos clubes e a resposta da entidade máxima do futebol brasileiro.

Caso não jogue a Copa do Brasil, Éverton deve ser um dos protagonistas rubro-negros no Campeonato Brasileiro, Copa Sul-Americana e Primeira Liga.

Você apoia a vinda de Éverton Ribeiro para o Flamengo? Deixe sua opinião abaixo.

39 Comentários
Carregando comentários...