“Fla precisa definir o jogo no 1º tempo”, afirma colunista

O Flamengo enfrenta nesta noite a Universidad Católica, pelo grupo 4 da Copa Libertadores. Com o Maracanã lotado, o rubro-negro pode garantir a classificação para a próxima fase hoje. Basta vencer sua partida e torcer para que o Atlético Paranaense vença o San Lorenzo, na Arena da Baixada.

No Resenha de hoje, nossos colunistas falaram sobre a partida decisiva de logo mais. Marcão Beton classificou o confronto pela Libertadores como “A final que importa”, em alusão à final do Campeonato Carioca:

– Hoje é a final que importa. É o jogo que a gente tem para classificar, para ficar tranquilo. Mesmo que a classificação não saia hoje, mas uma vitória aqui a gente encaminha bastante a nossa classificação e é por isso que a gente precisa muito de uma vitória. – diz Marcão

Thigu Soares comenta que, mesmo com desfalques, não espera que a partida seja fácil e reitera que a Universidad Católica já mostrou que é uma equipe que não desiste do resultado:

– Eu gostaria que facilitasse, mas eu não estou tão otimista em relação a isso não. Acho que Libertadores é sempre Libertadores. O time da Universidad Católica de fato sabe como jogar a Libertadores, não se entregou aqui na Arena da Baixada contra o Atlético Paranaense, também não se entregou no último jogo contra o San Lorenzo, acabou vendendo caro a derrota que teve. Acredito que vai ser um jogo fisicamente muito complicado, então acho fundamental que o Flamengo entre disposto à decidir o jogo no primeiro tempo. – Comenta Thigu

Reikrauss, convidado do dia, se diz bastante otimista com a vitória na partida de logo mais:

– Eu sou muito mais otimista que todos que todos aqui, eu acho. Acho que vai ser um jogo fácil para o Flamengo. Se o Flamengo jogar como jogou contra o Fluminense e contra o Atlético Paranaense e tiver um pouquinho mais de capricho, para mim eu acho que vai ser 3×0 Flamengo. – finaliza

E você? Como acha que vai ser o confronto de logo mais? Comente abaixo e assista ao Resenha completo!

Comentarios

comentário











Ver mais notícias