Home Colunas Um final feliz

Um final feliz

3631
23
SHARE

Tal qual um filme, a temporada do flamengo até agora vem se desenhando com algumas emoções e sensações que instigam o espectador a acompanhar com grande expectativa esse enredo que se desenvolve, torcendo por um final feliz ao final do ano.

Se no início do ano, o filme apresentava só sorrisos, com vitórias avassaladoras para todos os lados, tal qual uma boa comédia, após a lesão de Diego, parece que uma pitada de drama foi acrescentada na odisseia rubro-negra.

A preocupação da torcida, em parte se justifica, já que Diego vinha jogando o fino da bola, era o principal nome do time e não tem substitutos no elenco, era o ator principal do longa, e por hora, terá que ceder esse papel a alguns de seus coadjuvantes.

Mas que contornos o ano rubro-negro vai apresentando? Que tipo filme que estamos assistindo?

O Flamengo tem pela frente as semifinais e os jogos de volta da fase de grupos da Libertadores, jogos que podem dar um tom de terror ou romance no enredo desse super produção.

Os jogos pelo estadual não tem peso para a torcida rubro-negra, DESDE QUE o Flamengo vença. É isso mesmo! Se o Flamengo vencer, a torcida vai dizer que não fizemos mais que a nossa obrigação, que era normal, que o que vale é a Libertadores e etc. Agora se perdermos, se preparem para aquela chuva de críticas que vai inundar a caixa de email de ZR, ainda mais em caso de insucesso nas outras competições.

Já a Libertadores, é a menina dos olhos da Nação. É a parte do filme que apresenta as melhores cenas. Onde aparecem as maiores dificuldades, os maiores vilões, assim como as imagens mais bonitas e estruturadas. é a parte do filme que faz o espectador se emocionar e subir a adrenalina. Sem a Libertadores o filme perde muito de sua cor, brilho e emoção envolvidos.

Porém para os próximos atos estamos sem o ator principal. E sem Diego nos próximos jogos, a torcida está apreensiva sobre quem vai assumir o seu papel e como se sairá nesse papel que requer talento e garra.

Se Conca e Ederson surgem como principais esperanças, o tempo corre contra, já que os mesmos ainda não entraram em cena esse ano, e não podemos avaliar a forma de atuação de cada um.

E aí, fica claro que mais do que um nome, o grupo vai ter que minimizar o peso dessa ausência com o algo a mais de cada um, com a coletividade como pilar desse time.

O que fica claro é que ZR vai ter que trabalhar o motivacional desse time nesse momento com afinco, utilizando como exemplo filmes como Coach Carter, Um domingo qualquer, Invictus, O vencedor e Menina de Ouro, fazendo com que as dificuldades sejam combustível para a superação e parte do roteiro de um filme inesquecível.


“Três minutos para a maior batalha da nossa vida profissional.
Tudo depende de hoje. Ou nos curamos como equipe ou vamos nos desintegrar.
Nos dois jogos, na vida ou no futebol,
a margem de erro é tão pequena…
Meio passo antes, ou depois, e você não consegue.
Meio segundo antes, ou depois, e você não agarra.
As polegadas de que precisamos estão ao nosso redor.
Estão em cada brecha do jogo,
em cada minuto, em cada segundo.
Neste time, nós lutamos por esta polegada.
Porque sabemos que, quando juntarmos todas as polegadas,
isso fará toda a diferença entre vencer ou perder!
Entre viver ou morrer!
Não posso obrigá-los a nada.
Olhem para o cara ao seu lado, olhem nos olhos dele!
Você verá um cara que lutará
por essas polegadas com você!
Você verá um cara que vai se sacrificar pelo seu time.
Porque ele sabe que, quando chegar a hora,
você fará o mesmo por ele!
Isso é uma equipe, cavalheiros.
Ou nos curamos, agora, como uma equipe,
ou morreremos como indivíduos.
Agora, o que vocês vão fazer?”

Trecho de  discurso do filme “Um domingo Qualquer”.


Drama, todo bom filme tem. Tem os que gostam de terror, os que só querem rir e se divertir e os que buscam uma mensagem diferente. O fato é que para o nosso filme, já contamos com bastante ingredientes de ação, com  muita luta, dificuldades, emoção e transpiração.

Ainda tem muitas cenas nesse filme que se segue mas…

A torcida rubro-negra só quer um final feliz.

E que esse filme seja premiado. De preferência com muitos troféus no fim do ano. Afinal, troféus premiam o trabalho bem feito, o trabalho vencedor.

No final, são eles que valem a pena. São por eles que assistimos esse filme até o subir das letras.

SRN!

Jerônimo Simeão Júnior

#ColunaDoJJ

Concorda? Discorda? Comente e Divulgue! Ah! e se quiser saber mais sobre o Mengão segue lá no Twitter !É Mengão 24 horas!

Comentarios

comentário

  • BVZ Top

    Como em qualquer momento dramático, no final vemos que o momento dramático foi onde o herói cresceu. Nesse caso, o Flamengo vai ter que ter alguém treinado e acostumado só para substituir o Diego mais para a frente, quando bixo realmente estiver pegando e precisar quando ele for convocado ou se machucar.

  • Marty Mcfly

    “Coach Carter, Um domingo qualquer, Invictus, O vencedor e Menina de Ouro”

    Engraçado, não assisti nenhum desses filmes.

    • Louhan Sodré

      Velho, esse filmes são clássicos no futuro! Marty, saia do passado! hahaha SRN6

    • Glauco

      Não tem problema, vc pode voltar no tempo e pegar a estreia deles no cinema.

      • joão dias

        Kkkkkkkk

    • DefendaSeuDinheiro

      Vi todos, menos Coach Carter

  • Nick Sousa

    Ganhar a libertadores tá bom demais já

    • João Pedro Macedo

      Bom demais? Tá ótimo, excelente, extraordinário…

  • Almir Ribeiro

    Quer comparar Estudual com libertadores? Olha o regulamento tosco dessa droga cara…E libertadores tem outro peso. SEMPRE TERÁ. A meu ver Ederson é uma incógnita…Conca sabemos das suas qualidades, mas ainda é sedo para qualquer prognóstico a nível físico, pois no técnico não vejo problemas.
    o Substituto natural no momento é Mancuello em um 4–4-2. Mancuello no meio, com Trauco, Rômulo e Arão compactando na volancia. O problema a meu ver é o Zè vir com MA, Gabriel…sem a menor necessidade. Deixa o time “empobrecido”, e não resolve.
    Muralha, Donatti, Rever,Pará, Rômulo, Arão, Trauco (no meio), Mancuello (mais a frente), Renê, Everton, Guerrero. Podendo entrar com Berrío (saindo Mancuello ou Trauco). Em fim, da para montar um bom time, e variar o esquema. O Fla tem ELENCO FORTE, agora é escalar o que temos de melhor. SRN.

    • DefendaSeuDinheiro

      Muralha
      Pará, Donatti, Rever, Renê
      Caramujo, Rômulo
      Arão, peteleco, Trauco
      Guerreiro

  • Alex Silva

    Aposto que o Zé vai de 3 volantes. Dando mais liberdade para o Arão.

    • DefendaSeuDinheiro

      Acho que sim, mas peteleco entra na meia. Trauco na ponta.
      Mancu no banco.

    • Ednei P. de Melo

      Provavelmente, com Mancuello… &;-D

  • DefendaSeuDinheiro

    Peteleco dará conta do recado.
    Se precisar, improvisar Caramujo na meia.
    SRN

  • Marty Mcfly

    Tô curioso pra ver como vai ser o comportamento do time nas 2 competições, se irá mostrar mais “vontade” em uma do que na outra.

    • João Pedro Macedo

      Já ta mostrando. Time morto contra o Vasco, e time com vontade contra o Atlético-PR.

  • Serginho Meira

    Quando vi a foto do Maracanã e escrito final feliz pensei q era a notícia que o Maracanã era nosso kkkkkkk
    Abri e li sobre Ederson e Conca. Ai na boa cansei de falar de jogadores que não estão em forma.ou jogando, queria ver era falar sobre reposição de peças e esquemas táticos e como poderia montar a equipe e se for falar sobre jogadores falem de Everton que pode mudar uma história de uma partida talvez dê uma montagem de um meio campo com Trauco e Everton ou lançar Gabriel e berrio ou jogar com dois centroavantes tal como Vizeu e Guerreiro…
    Muda a fala ai gente !

  • Silvio Marcelo

    Uma boa oportunidade pra ver como vai se sair o aprendiz….Na minha opinião tá longe de ser esse técnico que a maioria enaltece… Vamos ver como ele vai se sair dessa sinuca de bico…

    • Nick Sousa

      Nunca vi ninguém dizendo que o Zé é um mega treinador, enaltecido ele não é, só não é essa porcaria que alguns dizem. O tamanho que ele vai ter como técnico o tempo dirá. SRN

  • Luciano Pereira

    Diego estará de volta antes que Conca e Éderson se recuperem. Segundo o médico do Flamengo, Conca vai retornar entre Junho e Julho, enquanto Éderson… talvez nunca retorne.

    • Vinícius Quintanilha

      Ederson já pode ser sacrificado.

  • Ibsen Perdigao

    Any given sunday serve pra gente tb!!
    Juntar oliver stone, com al pacino em um filme sobre esporte. Nao tem como dar errado!!!

  • Ciro Martins

    Muito lindo muito maravilhoso se no nosso Mengo fosse assim mas não. Ao contrário é um Presidente que também é Vice-de-Futebol que não cobra o Diretor que por sua vez não cobra nada do treinador e fica todo mundo achando um ao outro o máximo e o trabalho então uma maravilha que beira a perfeição, só que estes castelos no ar podem desmanchar no ar nos poucos dias que restam quando o bicho vai pegar mesmo pra valer. Sim e ainda tem o ator principal que era o único que fazia um trabalho altamente profissional tão profissional que terminou se perdendo em entradas e carrinhos afoitos com o objetivo de motivar outros a fazerem o mesmo e que agora vai estar fora de cena esperando e torcendo do lado de fora para que o treinador comum alçado muito precipitadamente a categoria de gênio tire um coelho da cartola ou faça através da coletivo alcançar pelo menos um dos objetivos deste primeiro semestre.