Colunista vê inversão de valores em comentários sobre obra pluvial do Estádio da Ilha

O tema do Resenha, desta sexta-feira, foi o imbróglio que envolve o Estádio da Ilha. Na manhã da última quinta, o jornal Folha de São Paulo publicou uma matéria relatando um buraco entre duas arquibancadas do estádio, futura casa do Flamengo.

Trata-se de uma obra de desvio de uma tubulação que passa onde fica o estádio. O Flamengo está fazendo um desvio nesse canal para ele não correr o risco de ceder e gerar um possível acidente.

Mesmo a obra sendo feita visando a segurança dos torcedores, a notícia repercutiu negativamente na imprensa, o que desagradou o colunista Allan Garcia.

– O que me assusta é a inversão de valores porque, o que está sendo feito, era para ser visto de uma outra forma e parabenizar o clube e não ficar criando todo esse pavor. […] detectaram (o problema)? Ok. Uma vez detectado, fizeram as ações preventivas, colocaram dinheiro para isso e as pessoas estão fazendo uma enfase negativa para isso. – diz Allan

Marcão Beton elogia atitude do Flamengo em preservar a segurança da torcida:

– Que bom que a gente está numa fase em que o Flamengo se preocupa com a segurança dos torcedores e que possa fazer uma obra mais elaborada, que gaste mais dinheiro, mas que vá dá uma segurança para a gente. – elogia Marcão.

Assista ao Resenha completo com esse e outros temas abaixo!

3 Comentários
Carregando comentários...