Página inicial Colunas Nem tanto ao céu nem tanto ao mar…

Nem tanto ao céu nem tanto ao mar…

496
33
COMPARTILHAR

Caros Rubro Negros,

Perdemos. Perdemos nossa primeira partida em meses. Eram 19 jogos de invencibilidade, contando jogos do Ferjão 2017, do Brasileirão 2016 e 1 jogo da atual Libertadores. E sei que perder não é muito fácil, afinal sou torcedor como qualquer um de vocês. Ainda mais quando ficamos “mal acostumados”. Mas acredito que, racionamente, ponderação é a palavra chave.

Impressiona ver a rápida caminhada que parte da nossa bipolar torcida faz: Saímos do céu ao inferno em uma derrota. Fora de casa, na competição mais importante e díficil do continente. E ai amigos, sai de baixo: voltam aquelas estórias estranhas dos cornetas sobre o “Zé covarde”, o “Zé Ruela”, o “estagiário”, etc. E é com isso que eu não consigo concordar. E não me venham falar nesse momento de tamanho, condições etc. Perdemos uma partida na Libertadores, fora de casa, no grupo que foi chamado de ” grupo da morte” por quase todos os analistas. Me parece absurdo agora vir falar que o adversário não tinha qualidade. E no mais a Libertadores é assim mesmo: Tem que fazer o dever de casa e colher o que se puder fora. Não vivemos uma tragédia ontem. E não há motivo para desespero.

Vejam vocês como essa ciranda de emoções funciona: Em diversas ocasiões vi críticas ao Zé dizendo que o time precisa ter variações na forma de jogar, que não podia jogar apenas com o 4231, que o time estava ficando com a forma de jogar manjada, etc. Pois bem. Quando o time mostra algo de fato diferente, mas que não é o que a “Fla-sofá” aprova e considera correto, as críticas jorram como um gêiser irado, descontrolado e imprevisível. Vale citar que pessoalmente não sou o maior fã de uma formação com 3 volantes. Mas entendo que é algo que pode sim ser usado em algumas partidas.

Outra interessante: Muitas críticas ainda sobre a forma de jogar eram feitas dizendo que era necessário se adaptar ao adversário e as necessidades da partida. Pois bem. O Flamengo fez uma partida segura, passou pouquíssimos apuros e teve as melhores chances, exceto por uma falha individual do Vaz e justamente pelo lance do gol. A parte tática funcionou. Trouxe segurança e deu ao time as melhores chances. E ai é incrivel que isso seja atribuído a falta de qualidade do adversário, que por sinal vinha de um bom empate fora de casa contra o melhor mandante do Campeonato Brasileiro 2016, para refrescar a memória de alguns. No mais, se o Flamengo tivesse jogado mais aberto e tivesse feito um primeiro tempo como o do jogo contra o Fluminense o mundo teria desabado sobre a cabeça do técnico. E ao optar por um time sólido, que pouco apuro passou, adaptado a circunstância do jogo e da competição e que não se furtou de propor o jogo o que acontece?A alcunha de covarde cai injustamente sobre a cabeça do técnico. Ah o futebol…

Agora, acho que vale sim uma crítica importante: O time tomou o gol e pareceu se desesperar. Perdeu a organização. Tudo bem que o Berrio foi expulso (de forma injusta, mas que deve ser tomada como lição, pois na libertadores não se pode dar motivo pro juiz nos prejudicar…por que se ele tiver motivo…assim o fará) e que o time foi se desfigurando com as substituições… mas isso é algo que não deve acontecer. Um time maduro deve saber jogar sob condições adversas.

Enfim, o que dizer? Perdemos. Perdemos fora de casa em uma partida que não jogamos mal. Tem o que melhorar? Tem. Sempre tem. Mas ponderação é a chave meus amigos. Nem tanto ao céu nem tanto ao mar meus amigos. Vamos chegar lá. Podem escrever.

Opine, elogie, critique…Participe!! E se você ainda não é Sócio Torcedor…faça o seu imediatamente!!! O seu maior benefício é ver um Flamengo cada vez mais forte!!!

Nota 5: Vaz. Ontem falhou novamente em um lance importante. E me pareceu um pouco nervoso no jogo. Eu sou daqueles que o considera bom zagueiro. Mas tem que abrir o olho. No banco tem “apenas” o Donatti, que além me de ter suas qualidades conhece bem a competição…

Nota 5: Rômulo. Nem exatamente pela partida de ontem, na qual ele de fato pareceu estar deslocado de alguma forma, mas esse jogador não vem tendo atuações propriamente convincentes. Por sinal o Márcio Araújo fez uma boa partida ontem, por mais que alguns possam considerar uma heresia dizer isso…

Luiz Henrique Amorim

contato@colunadoflamengo.com

Comente pelo Facebook

  • Ltom Macêdo

    Luiz Henrique sei que você é defensor do ZR. Mas o que achou dele testar uma formação num jogo fora de casa da libertadores?

    • Elder

      Mas foi a formação que impediu a vitória ou um empate?

      • Felipe José Schweitzer

        esta formação deu-nos uma derrota

        • Elder

          discordo, o gol foi de bola parada, criamos oportunidades, não vejo como o sistema (mesmo não achando que deveriamos ter trocado) como diferencial.
          SRN

          • Luiz Henrique Amorim

            Também acho. E vou mais longe. Acho que a tática deu certo no que foi proposto. No geral o time foi seguro e mesmo assim teve as melhores chances. Agora… tem que saber matar o jogo.

            Abraços!

        • Luiz Henrique Amorim

          Discordo. Poderia ter perdido jogando de outra forma também. E se joga de outra forma e perde eu tenho certeza que estaríamos ouvindo
          críticas dizendo que fomos muito ousados, subestimamos o adversário…

          Abraços!!

        • Valmir

          Jogamos como sempre contra as flores e foi um “Deus nos acuda”. Foi a formação?
          Cada jogo tem suas particularidades, o futebol não é ciência exata.
          De que adianta partir pra cima e levar vários gols? Ontem não conseguimos marcar em nenhuma das várias chances, os caras tiveram 2 no máximo 3 chances e venceram, o seu atacante foi mais eficiente que os nossos, será que em 2 jogos eles terão o mesmo desempenho? A mesma “sorte” de perdemos tantas oportunidades?
          SRN

          • Luiz Henrique Amorim

            Acho que é bem por ai mesmo…

            Abraços!

          • Ltom Macêdo

            Empatamos contra os flores, que é bem melhor que esse time do católica.

          • Valmir

            Empatamos, mas levamos um caminhão de gols, fora as várias chances que eles perderam, contra eles nosso ataque foi mais eficiente, não tivemos tantas chances mal aproveitadas como ontem, e sinceramente eles precisam melhorar muito pra chegar ao Nível da U. Católica.
            Isso é Libertadores, você acredita mesmo que o Fluminense indo bem no “fortíssimo” Ferjão é melhor que o time bicampeão Chileno?
            SRN

          • Luiz Henrique Amorim

            Empatamos injustamente, é bom que se diga. O Flu foi melhor, principalmente no segundo tempo, aonde não criamos quase nada até o gol de falta do Guerrero.

          • Ltom Macêdo

            Nem eles criaram nada naquele segundo tempo. Poucas vezes eh achei um empate tão justo. Mas é questão de opinião.

            Resta torcer agora. Mas não tenho como mentir que ligou o alerta. Ainda mais depois da declaração do Vaz que achou que foi tudo lindo e maravilhoso.

      • Ltom Macêdo

        Acho que mudar a formação não foi muito esperto.

        E estávamos invictos a 19 jogos com uma formação. Pra que mudar contra um time mais fraco que o nosso.

        Estamos com a corda no pescoço já é seremos pressionados pra vencer no marca.

        A rodada foi péssima.

        • Elder

          Mesmo eu não gostando da mudança, o esquema funcionou, não sofremos pressão e tivemos boas chances de abrir o placar.
          Discordo quanto a corda no pescoço. Temos que fazer os 9 pts em casa (já temos 3) e ganhar um jogo fora. Não podemos dizer que a rodada foi boa, mas ainda não precisamos fazer contas.
          SRN

    • Luiz Henrique Amorim

      Não sou defensor do Zé Ricardo assim, xiita. Mas acho o trabalho bem feito. No mais, acredito que ele tenha treinado isso durante a semana e mesmo antes…

      E veja como são as coisas: Se joga mais aberto e perde eu tenho certeza que estaríamos ouvindo críticas dizendo que fomos muito ousados, subestimamos o adversário…

      Achei o time seguro. Agora, as chances de gol que tem, tem que matar o jogo. Ainda mais quando joga assim. Ainda mais na Liberta.

      Abraços!!!

  • Felipe José Schweitzer

    Zé fraco, covarde, sem mais…. libertadores não é para time morto ou covarde.

    • Lucas Garcia

      Amigo, Flamengo teve mais a bola, criou mais e quase não deu chances ao time, por favor, que comentario sem nexo.

  • Lucas Garcia

    Analise perfeita, o Flamengo joga bem e mesmo assim criticas à escalação de ontem, que coisa, o time cria mais, tem mais a bola, só nao marcou os gols por incompetência, tomou um gol de bola parada numa jogada ensaiada, aí os caras vem falando em ze covarde, estagiário, só acho que se deve analisar mais o desempenho do time acima de preferências pessoais de jogadores e escalações, afinal o futebol não é uma equação que leva á vitória.

    • Luiz Henrique Amorim

      Concordo em gênero, número e grau!

      Obrigado pelo elogio e continue nos acompanhando!!!

      Abraços!

  • LeandroMgaJP

    De A a Z, de Arão a Zé Ricardo, tudo errado ontem!!

  • – Ryan –

    Vou dizer pra vcs, o recurso q vai desequelibrar jogos a nosso favor serão as cobranças de falta! Ontem por pouco a bola não entrou por duas vezes.
    Estou mto tranquilo quanto a classificação pra segunda fase, vamos ganhar os dois jogos do atletico! Time deles é fraquissimo, diferente do Católica q tem qualidade!

    • Luiz Henrique Amorim

      Também estou impressionado com isso. Parece que nesse quesito o talento do nosso Rei está rondando a gavea novamente…

      e o mais impressionante é que são batedores diferentes e mesmo assim as batidas tem sido boas…

      Abraços!!!

    • Lucas Garcia

      Eu prefiro o Atlético ao San Lorenzo e a UC, pra mim são a segunda força do grupo em termos de time, mas esses sulamericanos vc sabe como são né.

  • Nilton Filho

    Ótima analise, meu amigo Luiz Henrique! Se vai para cima e toma gols igual contra o Flu estavam aí cornetando do mesmo jeito, tenho nojo de alguns flamenguistas.
    O time jogou bem, quem não faz toma. O time precisa aprender a matar o jogo logo, perdemos muitas oportunidades principalmente no 1 tempo. Mas nada de outro mundo, o Fla se classifica em 1 do grupo. Abraços!

    • Luiz Henrique Amorim

      É bem por aí mesmo….

      Obrigado pelo elogio. Continue nos acompanhando!!!

      Abraços!!!

  • glamartins Santos

    análise perfeita. aonde assino? Fico muito triste por parte da nossa torcida que apenas sabe reclamar. Agora o mais incrível, amanha um dos jogadores que são criticados ou o técnico faz alguma coisa e da certo ai vem estes mesmos torcedores falar em cheirinho ou outra coisa. Palhaçada! Ontem o time jogou muito bem e não fosse a unica falha que ocasionou o gol teríamos saído com um empate que ao meu ver seria injusto e imagina a derrota? foi muito injusto o placar para nós! Falando do Vaz acho um bom zagueiro, mais claro que ele tem que parar de querer fazer lançamentos ou querer ser mais craque que o Diego… infantil recuar uma bola sem nem olha se tem um jogador adversário perto! Falando do Zé Ricardo, acho ele melhor do que muito medalhões que temos ai, e ai vem a pergunta: Quem estes torcedores de moda contrataria para por hoje no lugar dele? lamentável. Vamos nos classificar e o grupo é difícil mais o Mengão tem potencial! Saudações rubro negras.

  • SylarK

    Só rubro-negro para cornetar desse jeito… perdeu jogando melhor lá, com falhas individuais, metendo duas bolas na trave e pressionando. Flamengo está em muito boa fase, mas isso é futebol, por isso que essa porra apaixona. E por mais difícil que seja deixem a cabeça funcionar ao invés do coração, hoje mais negro que rubro. Senão periga ficar igual aos palmeirenses, que já estavam pedindo a volta do Luxemburgo!

  • Borgerth

    não seria “nem tanto ao céu nem tanto à terra”? ou “nem tanto à terra nem tanto ao mar”? kkkkkk
    mas subscrevo o texto.

    • Luiz Henrique Amorim

      Pode ser. Mas deu pra passar o recado….kkkk

      Obrigado e abraços!!!!

  • Rodrigo Santos

    Concordo com o texto.

    Volto a escrever.

    As únicas coisas ruins que vi, foi o Rômulo (Dormindo como sempre) e Vaz (Nervoso)

    O time tem que adquirir capacidade de reação.
    (Vamos precisar)

    Vamos parar de cornertar.

    Criticamos mais que as outras torcidas, não apoiamos e o time sofre.

    Que saco, sempre esse choro chato.
    Vamos apoiar.

  • Vinicius de Menezes Moraes

    Concordo com o texto. Além do que foi dito, acredito que a comissão técnica deve trabalhar o aspecto psicológico da equipe. Depois de ficar evidente nesse dois primeiros jogos que jogaremos contra a arbitragem a competição inteira, não podemos cair facilmente na catimba dos adversários e perder o controle do jogo. Isso é fundamental para manter a aplicação tática e também pesou contra no jogo de ontem.

  • Agnaldo Alves

    Perfeita análise. O problema é que para parte da torcida o choro virá, e em alguns ele vem forte demais. Se tivéssemos perdido jogando ofensivo seria choradeira, como perdemos com um estilo diferente a choradeira tem um motivo ainda mais forte. Tem jeito não, esperar passar hoje que amanhã tudo volta ao normal, os corneteiros cansam e a gente volta a falar do Flamengo, que aliás, está no caminho certo.

  • John isonfire

    Essa torcida parece torcida do Botafogo.. perde uma comeca o choro… para com isso… o time esta num bom caminho… perdeu jogando… acontece… Em jogo mata-mata o time realmente n pode dar esses moles mas tem tempo pra arrumar a casa!