Imprensa: Quando o bairrismo ultrapassa todos os limites

Caros Rubro Negros,

Não é novidade que o Flamengo é sempre o centro das atenções em muitas mesas redondas e programas esportivos. Porém essa semana brotaram comentários como “O Flamengo voltou a era da irresponsabilidade”. “ É um absurdo o Flamengo pagar esses valores para um jogador”. “ Eu quero ver como vai ser quando o mês dos jogadores do Flamengo tiver 90 dias”. Isso depois da contratação de Leandro Damião e principalmente por conta da negociação entre o Flamengo e Diego Ribas, ex Santos.

Esse tom foi o mesmo adotado a um ano atrás, quando da contratação do Guerrero. A impressão ao ouvir essas e outras falácias seria que o Flamengo dessa vez certamente iria a falência. E vejam vocês: estamos aqui um ano depois e não vi uma notícia sequer de atraso de salário no Flamengo.

bairristaE eu não me engano com isso. Esse tipo de atitude da mídia bairrista não é fruto apenas de desinformação (o que já seria absurdo vindo daqueles que tem o dever de informar ). Esse é o tipo de embuste que vem da inveja e desespero. Para certos jornalistas e comunicadores que usam uniformes de clubes como segunda pele é muito mais interessante um Flamengo claudicante, brigando lá embaixo. Afinal, o Flamengo no auge do seu potencial esportivo e econômico é muito mais forte do que certos clubes queridinhos da mídia.

Também chama a atenção que esses que opinam negativamente sobre a negociação que o Flamengo tem com o Diego (baseados em valores que sequer foram confirmados, diga-se) parecem não ter se dado ao trabalho de ao menos dar uma olhada na real situação financeira do clube. E isso nem é tão difícil assim. Os números e as análises disponibilizados pelo Amir Somoggi por exemplo são bem acessíveis e de simples interpretação (o Amir Somoggi é especialista em marketing e gestão esportiva e tem feito há alguns anos o trabalho de analisar a situação financeira de diversos clubes brasileiros a partir dos balanços dos mesmos. Um trabalho muito bem feito, por sinal). Mas é claro que para os nossos detratores bradar no mais alto tom possível qualquer bobagem que soe bem aos microfones e que denigra o Flamengo é mais conveniente do que se ater aos fatos e ser minimamente imparcial ou mesmo responsável ao emitir certas opiniões, mesmo se tratando de pessoas públicas.

O desinteresse pela verdade e a intenção de instaurar a dúvida e o caos salta aos olhos. É lamentável que alguns números muito importantes para balizar qualquer juízo de valor sobre esse assunto são completamente desprezados por esses senhores que tão confortavelmente usam seu espaço para de forma deliberada trazer desinformação e confusão. Vejam 2 desses números em especial:

R$ 355.600.000.00 (Trezentos e cinquenta e cinco milhões e seiscentos mil reais ). Essa foi a arrecadação total do Flamengo em 2015. A segunda maior de todos os clubes do pais em 2015. Se tirar o quesito sazonal “venda de atletas” passamos a ser a maior arrecadação de todos os clubes do país.

41%. Esse é o percentual do que foi arrecadado que o Flamengo gastou em 2015 com o seu departamento de futebol. 70% é o limite do considerado saudável.

Com esses 2 números e um pouco de boa vontade já fica muito claro que o Flamengo tem sim bastante espaço para investimentos no futebol em 2016. Se o cidadão for um pouco mais a fundo ai é que a vergonha alheia que certos jornalistas e comentaristas esportivos estão passando aumenta. Receitas aumentando ano a ano…endividamento sendo reduzido… Os anti ficam loucos com o Flamengo no caminho certo.

No mais, o que essa diretoria tem feito que nos leve a crer que eles gastariam mais do que podem em uma contratação? Nada. Muito pelo contrário. Quando essa turma chegou, em 2013, a situação do Flamengo era absolutamente caótica. E graças a competência administrativa e paciência hoje estamos, se não no patamar que podemos estar, em um viés de alta e em uma situação que, a despeito dos invejosos, nos permitiu tirar o Guerrero do Corinthians, o Arão do Botafogo e o Leandro Damião “da porta” do Vasco. E pra quem reclama desses jogadores é sempre bom lembrar da época em que estávamos contratando Walter Minhoca, Negreiros e Jael, o Cruel. Ou ainda, quando contratamos o Ronaldinho mas o mesmo parou de receber salários. Ou ainda quando o clube queria a continuidade do Thiago Neves mas não teve o dinheiro para tal feito…

Então nação Rubro Negra um conselho: abra seus olhos e não se engane. Caso as negociações com o Diego continuem e sejam completadas com sucesso, ou ainda, que outro nome de peso seja pretendido no Flamengo, tenha absoluta certeza e podem me cobrar…os ataques maldosos feitos por pessoas com interesses escusos continuarão. Não comprem gato por lebre. O Flamengo está a caminho do topo do nosso futebol. Quem viver, verá!!!

Nota 0: A CBF, sempre ela. Tem time ai adorado pela mídia que está sendo claramente beneficiado com uma tabela com sequência de jogos em casa…existem métodos para bolar a tabela que excluem ou minimizam esse tipo de coisa… parabéns CBF!!! Sempre cuidando bem do seu campeonato!

Nota 10: Parabéns a torcida do Flamengo em Brasília no jogo contra o Atlético MG. Mais uma vez apoiamos e fizemos a nossa parte, como sempre. No mais, a torcida do Flamengo está sempre de parabéns quase que em sua totalidade, marcando presença em todos os cantos desse pais. Desavenças e críticas a nossa torcida não servem de forma alguma aos interesses do Flamengo. Ainda mais quando elas vem da própria torcida. Isso só serve aos interesses daqueles que querem ver o Flamengo mal…

Saudações Rubro Negras!!!

Luiz Henrique Amorim
contato@colunadoflamengo.com

 

190 Comentários
Carregando comentários...