“Recordar é Viver”: Renato Augusto

Neste quadro, nós relembramos aos rubro negros, jogadores que passaram pelo Flamengo e conseguiram honrar o manto sagrado ou ao menos conseguiram ter uma boa passagem pelo Maior Clube do Brasil.

Renato Augusto, revelado na base do Flamengo. Estreou no profissional em 2005 contra o Corinthians, curiosamente, seu atual time, no qual é titular incontestável. Porém, somente um ano depois, durante as inesquecíveis finais da Copa do Brasil, contra o nosso maior rival que passou a ser conhecido nacionalmente. Teve duas belíssimas atuações na final e acabou sendo efetivado no time pelo então técnido Ney Franco durante o restante do ano 2006.

 

Em 2007, mesmo após a chegada de vários reforços na Gávea, entre eles Roger, Juninho Paulista, Ibson, Cristian… Renato Augusto manteve-se entre os titulares.

Durante o Cariocão, foi brilhante e decisivo para a conquista do título, marcou gols importantes, tanto na final da Taça Guanabara, contra o Madureira, como na finalíssima, contra o Botafogo (um golaço de fora da área).

Todavia, depois do bom início de temporada, Renato teve uma queda de rendimento, durante o restante de 2007, quando também passou a conviver com contusões seguidas.

Em 2008, Renato Augusto voltou a ser a grande esperança do Flamengo, porém, logo em sua primeira partida, na estreia do Cariocão 2008, sofreu uma grave lesão no rosto, após uma disputa de cabeça. Afastado do time, Renato somente voltou aos gramados, na reta final do Campeonato, quando sagrou-se bicampeão da competição, mais uma vez, em cima do Botafogo.

Em julho de 2008, foi vendido ao Bayer Leverkusen (ALE). O Bayer pagou um total de 10 milhões de euros (cerca de R$ 25 milhões) na época. Como o Flamengo já havia negociado 40% do jogador anteriormente, recebeu desta vez 6 milhões de euros.

Após a venda de “RA10”, o Flamengo não conseguiu mais revelar jogadores que se firmem no profissional, muito menos, conseguiu vender por uma boa quantia. A frase “Craque, o Flamengo faz em casa”. Não parece mais fazer tanto sentido… com certeza, algo precisa mudar em nossas Categorias de Base.

Renato Augusto, em números e conquistas no Flamengo:

92 jogos, 9 gols e 5 assistências.

1 – Copa do Brasil 2006

2 – Campeonato Carioca – 2007 e 2008

Saudações Rubro Negras, Fellipe Mattos.

fellipe.mattos@colunadoflamengo.com/fellipedeco@gmail.com

Comentarios

comentário











Ver mais notícias