Página inicial Especiais “Recordar é viver” – Tita,o eterno camisa 7

“Recordar é viver” – Tita,o eterno camisa 7

209
5
COMPARTILHAR

Hoje um dos integrantes do melhor time da história do clube, completa 57 anos de idade. Tita foi o camisa 7 da Geração de Ouro do Flamengo.

Destaque das categorias de base do clube em 1970, iniciando na Escolinha e depois no Juvenil, onde foi treinado por craques como Zizinho e Pavão. Tita começou na base aos 12 anos de idade e sete anos depois já estava no profissional.

Tita era um jogador muito moderno para época. Não guardava posição e atuava em todas as posições do meio para frente.Muito franzino, Tita teve que fazer um tratamento físico semelhante ao de Zico. Quanto mais forte ficava, mas se destacava.

Estreou em 1977 em uma goleada do Flamengo sobe o Central Miguel Pereira por 9 a 0, onde Tita fez 1 gol. Mas o ano de 1977 não foi tão bom para o jogador, que perdeu um pênalti decisivo que culminou em um “não” título carioca daquele ano.

O jogador ficou no Flamengo até 1985 (nesse período teve uma passagem pelo Grêmio).Foram 18 títulos pelo clube, entre eles os Brasileiros de 1980 e 1982 e a Libertadores e o Mundial de 1981.

Pelo clube foram 391 jogos e 135 gols.

O jogador ainda brilhou por outras equipes. No Grêmio conquistou a Libertadores de 1983. No Bayer Leverkusen ganhou o Copa da UEFA. No Vasco ganhou o Brasileiro de 1989. No Léon ganhou o Campeonato Mexicano 1991/1992.

Pela Seleção Brasileira foram 34 jogos e 6 gols. Foram 20 vitórias, 9 empates e 5 derrotas. Com a camisa canarinho, ganhou a Copa América de 1989 e esteve na Copa do Mundo de 1990, onde não entrou em nenhuma partida.

Encerrou a carreira em 1998 jogando no Comunicaciones do México. Iniciou a carreira de técnico como estagiário de Antonio Lopes no Vasco,  onde seria técnico em 2000 e 2008. Foi técnico de diversos times pequenos do Rio de Janeiro, como Americano, América, Olaria, Macaé, Bangu e Volta Redonda. Seu ultimo trabalho foi em 2012, onde treinou o Necaxa do México.

Tita o eterno camisa 7 da Geração de Ouro.

Rodrigo Ferreira. Somos Loucos e Fanáticos.

Comente pelo Facebook

  • abel

    jogou muito mas nao so no Flamengo mas esta em nosso coraçao

  • Almir Ribeiro

    O eterno “Coringa”. Talentoso, mas tinha uma “inveja” do Zico…mas jogou muito.

  • Marcos Moura

    Ele completou 57 anos, pois assim como eu, nasceu em 01 de abril de 1958.

    • Rodrigo Ferreira ColunaFla

      Corrigido Marcos. obrigado pelo aviso.

  • paulo roberto Lidoino

    Desde quando o Tita é o eterno camisa 7, sendo assim, como chamaríamos o Joel, Espanhol, Carlos Alberto, Amauri e o Rogério, brincadeira, como tem gente de pouca memória.